Este blog é um oferecimento de...

Bruno Guedes e Toupeiras
Completo RSS My Yahoo! Google
Por Autor
Token RSS My Yahoo! Google
Bruno Guedes RSS My Yahoo! Google
Töpo RSS My Yahoo! Google
Toupeira Profissional RSS My Yahoo! Google
Korso RSS My Yahoo! Google

Bruno Guedes & Toupeiras por Bruno Guedes A. Viana é licenciado sob uma Licença Creative Commons
Atribuição — Uso Não-Comercial — Vedada a Criação de Obras Derivadas
2.5 Brasil

Para mais informações, consulte nosso FAQ

AVISO IMPORTANTE!

Talvez você não tenha notado, mas este site já não está mais em funcionamento. Nosso novo ponto é agora o Bruno Guedes e Resenhas.

Em breve este blog não receberá mais comentários, e até o final do ano esta página será transformada em um portal para o novo site, que será enfim transformado em um redirecionamento definitivo.

Portanto, atualize seus favoritos e seu leitor de feeds, e continue lendo nossos textos em nosso novo site!

Tenha um bom dia e obrigado pela preferência!

Avatar: Token

Notícias Rápidas e Quentes, e tome banana!

Escrito por Token em 02/05/2008 05:00


Token na área, de novo!

Tamos fora porque o irmão do rapaz tá dominando o PC. Reconquistamos de novo na primeira brecha e assim que o rapaz conseguiu parar de jogar Rune Factory.

Talvez dê pra postar, talvez não. São tempos difíceis, amigos.

Mas, olhando pelo lado bom, nossa primeira salsinha oficial já apareceu! Eu sabia que o post do cachorro ia atrair esse tipo de gente... agora toma!

Mais a respeito, Garoto vai mandar um Twit ou um post até amanhã à meia-noite. Ou quando ele parar de jogar Trauma Center e Digimon World DS. Esse Supercard...


Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Posso voltar a descansar?

Escrito por Bruno Guedes em 02/05/2008 21:33


Fato Rápido: todo mundo um dia descansa. Até bloguistas.

Embora eu escreva puramente por prazer, visto que nem sequer o Google me paga pra tanto, meu prazer não é puramente escrever. Existe um monte de coisas que eu adoro fazer e a grande maioria dela não envolve este blog em nenhuma maneira.

Pois bem, neste feriado prolongado(aliás, odeio feriados prolongados por razões que não cabem aqui; vou deixar pra outro texto), estou aproveitando para fazer algo que não faço desde as férias de meio de ano passado: jogar videogame até a bateria acabar, a minha e a dele. E agora estou dando uma folga pra ele.

Pois bem, acho que esta será a única notícia de mim e toupeiras nesse final de semana, visto que vou passar o resto dos dias de feriado... descansando. Semana que vem a dureza retornar, e os textos também. Prometo. Só me deixem em paz esse fim de semana, oui? Obrigado...

(Sem bem que esta é a única vantagem de ter um público imensamente pequeno; você some e o mundo não acaba...)


Comentários: 3
Avatar: Token

Rapidinha: Kitten sniffing?

Escrito por Token em 03/05/2008 19:35


Essa semana o hilário site de humor gringo CRACKED publicou a lista de 6 Coisas que Podem te Viciar e Você não Sabia. O post por si só é legal, como sempre, mas repare na imagem que encabeceia a lista:

You can really get addicted to THIS?!

Isso te lembra alguma coisa? Não mesmo? Nem isso?

É, foi o que eu pensei. Humor nonsense é universal, gente...


Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Curtas II - Um conselho de amigo

Escrito por Bruno Guedes em 05/05/2008 12:27


O conselho é: se for trabalhar na área, aprenda desde já que Computação não é uma ciência exata na prática. É pior que Física, pelo menos na Física você pode botar uma constante multiplicando que tudo dá certo, mas em CC não. As coisas dão errado e, se você der sorte, a causa real do problema é foda de encontrar. Na maioria dos casos é impossível e você tem que arranjar um jeito de eliminar o problema da maneira mais comummente adotada: gambiarra.

Acredita não? Lembra quando eu disse que o "eliminador de acentos"(que eu chamo carinhosamente de "Parser") que cria os permalinks pros meus artigos se rebelou? Pois bem, está funcionando maravilhosamente bem, agora. Bruxaria? Não, pior: computação!


Muito bem, depois de passar o feriadão por conta de aproveitar as features do meu Supercard DS, que é basicamente um mini-SO pro nintendo DS(mas mini-SO mesmo é o DSLinux), estamos de volta à nossa programação normal. Consegui efetivamente cumprir minhas promessas(resenha de um jogo e um filme em uma semana), criei um meme(que ainda não teve aplicantes...) e aparentemente a recepção do público parece boa. O que eu não sei é como o pessoal do servidor está deixando passar mais de 50MB de banda excedente. Por via das dúvidas, daqui pra frente vou botar minhas ilustrações em algum outro lugar...

...Post Completo
Comentários: 2
Avatar: Töpo

Sangue, caros amigos, sangue!

Escrito por Töpo em 06/05/2008 12:19


De tempos em tempos crimes acontecem. Crimes de grau leve, médio e hediondo. Mas nada mais que crimes. A natureza humana é falha, a mente humana também, e por vezes também as leis são arbitrárias. Além disso, à medida que a moralidade humana se desenvolve, costumes passam a ser rejeitados e vice-versa, e também a idéia do que é hediondo varia com o tempo. Existem, até mesmo, crimes reconhecidos universalmente.

Entretanto, na singela opinião dos autores deste site, nada – repetindo: nada – justifica o desejo de sangue do ser humano. Existe uma explicação? Existe, e ela é relativamente simples. O ser humano só pôde sobreviver até onde sobreviveu graças a um instinto assassino que garantiu sua sobrevivência e supremacia sobre espécies muito maiores(como o megatério) e/ou mais fortes(como o famoso tigre-dentes-de-sabre). O desenvolvimento bélico, aliado à sanguinolência natural, foi o que salvou a espécie humana da extinção, ao contrário das outras espécies que foram extintas por estes mesmos motivos. Sim, a natureza é incrivelmente irônica, perguntem ao hipopótamo.

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Eu e meus assuntos...

Escrito por Bruno Guedes em 07/05/2008 17:36


Bom dias amigos, hoje é mais um dia de considerações a respeito de mim, minha vida e meu blog. Se tudo correr como planejado, vamos ter vários desses. Porque de alguma forma eu esqueci um aspecto deste blog.

Pois bem, o objetivo de ter um blog multi-autorado era dividir os tópicos entre nós cinco(quatro e meio, que seja) e deixar a coisa mais organizada, mas com a mesma bagunça de sempre. Lindo. Só que desenvolvendo o espaço pras toupeiras eu esqueci do meu espaço nessa coisa toda.

Então tá, vamos ter muito tempo pra falar do que há de mais diverso na vida de Bruno Guedes. Nós só ainda estamos tentando descobrir exatamente o quê.

Ademais, Notei que nossa Toupeira Profissional tem alguns vários textos a serem escritos e publicados, e ele tem o dever de continuar o curso de programação. Então eu vou ver se ele apressa esse negócio.

E no mais, na paz. Continuem esperando a "meia atualização por dia" e todo mundo fica feliz. Certo?

...Post Completo
Comentários: 5
Avatar: Bruno Guedes

Divagações Anuais

Escrito por Bruno Guedes em 08/05/2008 20:55


No dia 8 de maio de 1989, um pequeno bebê do sexo masculino, de olhos claros e cabelos ruivos e espetadinhos – vai, pode dizer "Ah.... que coisa fofa!" – nasceu às 5:55 da tarde. 19 anos depois, essa coisa fofa se cresceu e se tornou Bruno Guedes. Sim, aparentemente eu sofri uma metamorfose ao contrário...

Enfim, sim, hoje é meu aniversário, e há diversas coisas a comentar, visto que não vou deixar a data passar em branco, embora talvez gostasse. Isso, provavelmente, atrairia a atenção do Token, e não sei que estripulia ele poderia aprontar. Então comecemos.


Primeiro, eu acho que meu aniversário, assim como o Ano Novo, é uma comemoração no mínimo sem sentido. Sim, passa-se mais um ano desde meu nascimento – fato rápido: parto por cesariana; todos nós três nascemos assim –, mas se vamos comemorar os anos, porque não os meses? Não sei.

Mas se as pessoas querem me parabenizar por aguentar mais um ano nesse mundo que, convenhamos, não é nenhum Éden, então vamos nessa. Muito obrigado a todos!


Hoje é aquele dia em que as pessoas resolvem me apreciar pelo fato especial de eu estar completando 19 anos vivo, e rumo aos 20.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Korso

É pedir demais um bom português?

Escrito por Korso em 09/05/2008 13:28


Não é de hoje, é de muito tempo. Já faz desde que a Internet é brasileira – ou, em termos alternativos, os brasileiros invadiram a Internet – que as pessoas nesse país escrevem errado. Ou, melhor dizendo, escreviam abreviado até que realmente começaram a escrever errado. Vamos ver como a coisa evoluiu e por que caracóis a coisa está fora de controle e deve ser detida o quanto antes.

Bom, tudo começou quando a Internet estava em seus primórdios, por assim dizer. Era lenta e cara, se você consegue conceber uma coisa dessas. Enfim, por isso as pessoas precisavam escrever rápido e pouco, para economizar banda, porque cada byte era considerável. Então compare esta frase:

Olá, como vai você?
com a versão reduzida:
oi, cm vai vc?
e veja que a segunda versão é bem mais curta que a anterior e portanto ocupa menos banda e é enviada mais rápido. Em larga escala, isso era necessário em alguns casos. Com o barateamento e acréscimo da velocidade da internet, isso não era mais estritamente necessário, embora seja útil para fins de velocidade de digitação. É mais rápido, e hoje em dia ninguém pode perder tempo, fazer o quê...

...Post Completo
Comentários: 9
Avatar: Bruno Guedes

Quando você acha que não...

Escrito por Bruno Guedes em 10/05/2008 15:09


Olha, eu pensei em muitas coisas in advance quando programei este blog. Uma das coisas em que pensei com muito carinho foi fazer os comentários ser facilmente formatados do mesmo modo como escrevo os posts, usando um "pseudo-wiki markup", onde, por exemplo, dois apóstrofes denotam destaque e três denotam negrito, e diversos atalhos para tags HTML via colchetes duplos(alguma dia eu publico o manual de instruções aqui, calma).

Entretanto, uma das peculiaridades do sistema sobre o qual modelamos este editor – o PmWiki – é que parágrafos são denotados por duas quebras de linha, e uma quebra de linha é ignorada. Isto tem a finalidade de que marcações muito grades(normalmente as de link ou imagem) possam ser colocadas em uma linha separada, e também ajuda na legibilidade do código.

Porém o que eu não imaginava era que alguém não iria acatar a esse modelo tão rapidamente. Agora sei que isso pode acontecer com uma grande frequência, ou seja, é hora de mudar esse negócio...

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Toupeira Profissional

Que diabos é um erro 404?

Escrito por Toupeira Profissional em 10/05/2008 20:40


Boa tarde, pessoas. Já faz uma pá de tempo que não publico nada, né mesmo? Hm... acho que uma semana ou coisa assim, mas ainda assim, eu tenho um número de posts muito baixo comparado com o resto da galera, e eu tenho uma cota a preencher. Somos eu e o Korso nessa situação desagradável...

Mas enfim, antes de continuar o nosso curso de programação básica – relembrando: na aula que vem, vamos analisar várias linguagens de programação e "escolher" uma pra proseguir com o curso –, o Garoto se deparou com um artigo altamente interessante sobre o erro 404. Mas vamos do começo.

O que é um "erro 404"?

Quando você manda uma requisição para uma URL que não pode ser encontrada pelos servidores, um erro é retornado. Este erro é chamado 404. O 404 significa, basicamente, "não conseguimos encontrar essa página".

E o que tem a página 404?

Tem que o visitante da sua paǵina vai chegar em uma página tosca que diz "Error 404; page folder/xlambs could not be reached" ou algo que ele igualmente não vai entender. Por isso, é necessário implementar uma página de melhor legibilidade e, principalmente, que mantenha o visitante na sua página.

...Post Completo
Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Curtas da Segundona

Escrito por Bruno Guedes em 12/05/2008 11:51


Bom dia, meus caros! Segunda feira, dia 12, como ontem não teve post, hoje tem. E como minhas toupeiras estão todas ocupadas – TP trabalhando no curso de programação, Korso nos Estilos Internéticos e o Töpo em mais uma polêmica de marca maior – eu é quem posto hoje. Então, sem mais firulas...


Não teve post de dia das Mães. Shame on me. Mas deixa eu te dizer o que é que há...

Já mencionei no outro blog(que será desativado dentro em pouco) que nada que se diga tem o devido valor quando perto de um fato tão imensamente importante quanto este: essa mulher te deu a vida. Sim, a sua vida. Você não estaria vivo sem ela – e seu pai, mas calma –, e se você não pediu pra nascer... cresça, faça favor.

Por causa disso eu sempre tenho problemas pra comprar presentes. Nunca consigo pensar em algo que seja bom o bastante e caiba no meu orçamento pessoal(dinheiro, amigos, é solução e problema). Mas um abraço já é metade do caminho.

...Post Completo
Comentários: 0

Há algum tempo atrás – sim, eu fiquei por fora dos fatos e perdi a data certa – ocorreu em quase todo o Brasil – e não, não vou falar nada a respeito de se houve ou não recisão do direito de liberdade de expressão – a Marcha da Maconha, um movimento pela legalização do livre uso de Cannabis sativa, e que pelo visto já tem até seu próprio blog. O assunto "legalizar ou não legalizar" é polêmica crônica, o que nesse caso significa que é um daqueles assuntos incômodos que ficam indo e voltado. E sim, eu sou praticamente o Humpty Dumpty do universo dos blogs.

Enfim: legalizar ou não? Existe dois extremos óbvios nessa história, e eu também tenho minha opinião sobre o assunto – e ela é: se alguém não dá valor à vida e quer se matar aos poucos, é um direito –, mas vocês sabem que meu papel é ser ou racional ou conservador, e eu acho que ser conservador não faria o menor sentido, além de que acabaria com o texto agora mesmo. Então, sejamos racionais...

...Post Completo
Comentários: 6

Todo jogador com um mínimo de experiência, sobretudo se tiver um gênero de jogo favorito, sabe que existem algumas coisas que funcionam e outras que não, em matéria de mecânica de jogo. Coisas que funcionam perduram, mesmo sob alguns protestos, e coisas que não funcionam... bem, aparentemente elas perduram também.

Por exemplo, existe o conceito básico de "desafio de plataforma", que é um leve viés do gênero puzzle no meio de um jogo de plataforma. É aquela situação em que você tem que pular de plataforma em plataforma na ordem/hora certa para chegar de um lugar a outro. E às vezes voltar, também. Enfim, esse tipo de coisa fica muito bem em jogos de plataforma 2D e 3D igualmente. Se você já jogou algum Super Mario deve ter experimentado isso. Só que tem uma exceção ao caso...

Se você alguma vez na sua vida já pulou, seja de um lugar alto para outro, ou de um lugar alto para o chão, ou como seja, você deve ter experimentado a normal sensação de ter consciência exata de onde estão suas mãos e pés, de foram que você possa aterrissar com sucesso, ou seja, não se espatifar pateticamente no chão. Entretanto, a última coisa que você tem num jogo de primeira pessoa é a sensação de onde está o seu corpo. Tudo o que você tem é uma visão, mas ela não pode, digamos, mudar para você ver a que altura você se encontra e se você está realmente caindo na plataforma ou indo direto para o chão. E isso é horrível. Se você já jogou Metroid Prime, já sentiu isso.

...Post Completo
Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Misantropia

Escrito por Bruno Guedes em 14/05/2008 18:27


"Misantropia". É uma das muitas palavras das quais gosto porque tem um som... agradável. É arbitrário e subjetivo, esse sentimento de identificação com uma palavra. Filologia é uma das várias ciências que me agradam, mas não o bastante para me devotar a.

Mas voltemos à misantropia. Define-se, no literal, como um sentimento de ódio pela humanidade como um todo, pela espécie humana sem distinção. Parece um sentimento horrível, mas assim como muitas outras palavras, na realidade denota muito menos do que parece ser. Na prática, a misantropia não passa de um sentimento geral de que a humanidade pegoua curva errada em Albuquerque e caminha, inevitavelmente, para sua destruição.

E a razão pela qual não é Korso, filólogo e literado de plantão, que está tomando este post, é porque não vim para falar de misantropia. Vim para falar da minha misantropia.

Porque de repente, um dia, eu comecei a pensar que, sinceramente, talvez o mundo estivesse melhor se a sociedade como conhecemos nunca existisse. Em resumo, a humanidade chegou a tal ponto que mesmo que se Deus estivesse vivo, talvez não desse jeito. (AVISO: apenas uma referência a Nietzche. Este autor reserva-se no direito de não se pronunciar a respeito de qualquer assunto de cunho religioso). E que lugar mais ideal para perceber isto do que a Internet? Acho que nenhum... não existe outro lugar onde tanta gente idiota se reúna para propagar a merda inadvertidamente. Okay, temos o Axé Brasil, o Carnaval... mas nem tais eventos ápices da política do panis et circensis conseguem reunir tanta gente junta. Estou falando de gente imbecil na casa dos milhões, gente. Não é brincadeira, é só dar uma voltinha pelo orkut.

...Post Completo
Comentários: 6
Avatar: Korso

Estilos Literários da Internet: Miguxismo

Escrito por Korso em 16/05/2008 15:12


Como disse em um texto anterior, a necessidade de abreviação devido ao alto preço de alguns bytes se degenerou em um total desrespeito às normas gerais da escrita culta da língua portuguesa. Isso não seria de todo ruim se se resumisse à forma, mas infelizmente a degeneração finalmente atingiu o conteúdo, gerando textos que se tornam praticamente ininteigíveis para alguém que não faça idéia do contexto no qual o texto se insere – ou, por vezes, até para quem conhece esse contexto.

Acredite ou não, entretanto, existem pessoas que adotam essa total ininteligibilidade gratuita como forma oficial de comunicação. Não se resumem apenas a transforma o que é legível em ilegível, mas a enfeitar aquilo que por si só já era ininteligível.

Por alguma piada causal do Universo, tal forma de comunicação ficou fortemente associada à subcultura denominada "Emo", que vai além da música "Emo" por si só. Por sua vez, por causa de um determinado verbete desse dialeto caótico, eles são chamados "miguxos". E, portanto, seu dialeto é chamado, muitas vezes, de "miguxês".

...Post Completo
Comentários: 5
Avatar: Token

Chato feito... uma placa de papelão

Escrito por Token em 19/05/2008 19:25


Aê, galera, aqui é Token, e aguentem, porque o negócio está esquisito.

Seguinte: pela falta de tempo e uma estranha tendência do servidor de sair do ar por alguns minutos hoje, vou ter que ser rápido, então, pá-pum!

O rapaz quer que eu comece a trabalhar de humorista, mesmo. Não só esporadicamente, mas pelo menos uma vez por semana, em regime regular. Ou seja, eu estou sendo promovido de "token" a "toupeira". Mais ou menos...

Mas eu acho que agora é que eu tô lascado. Bom, se tudo der certo, até o fim de semana aparece uma idéia de gênio. Senão... bom, a gente se vê em algum outro blog por aí em que estejam contratando humoristas falidos de fim de semana.

Desejem sorte! Fui!!


Comentários: 0
Avatar: Token

Plantão do Papelão: Problemas

Escrito por Token em 20/05/2008 23:57


Token na área. Aviso rápido.

Dificuldades sentimentais com o staff do blog. Ou, melhor dizendo, com o único membro com uma relação estável.

Sim, amigos, a coisa tá preta. Mas se eu li os sinais certo, é só passageiro. Mas eu posso estar catastroficamente errado...

Aguardem. Dependendo dos resultados, ou a programação volta ao normal, ou podemos não ter posts por até um mês. Ou mais.

*Medo*


Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Mas eu não sou spammer...

Escrito por Bruno Guedes em 22/05/2008 22:33


A autmoação e os scripts são parte fundamental de um bom serviço web. Blogs, fóruns, sites de relacionamento, lojas virtuais... todas tem seus scripts e dispositivos automáticos que cuidam para que tudo funcione perfeitamente bem. Na medida do possível é claro.

A parte estranha, entretanto, é que scripts autmáticos trabalham de forma hermética, ou seja, você, usuário, normalmente não faz idéia do que está acontecendo lá dentro. Às vezes nem se sabe o que está entrando no script – via campos tipo hidden, entre outras coisas –, quanto mais o que está sendo feito com os dados de entrada. E nem anos e anos de testes podem revelar um bug que acontece uma vez a cada milhão de entradas...

Por exemplo, de uns tempos pra cá os blogs do Wordpress andam me barrando nos comentários. Não todos, eu devo dizer, mas alguns. Por exemplo, os do Kid, do Karlisson e do Cardoso. Acontece basicamente a mesma coisa: eu comento, a página atualiza, o comentário vai, e eu fico a ver navios, porque o comentário ainda não apareceu. E, levando em conta que já passam meses que eu comentava sem mais problemas, eu me pergunto: "Mas quê?"

...Post Completo
Comentários: 8

Muito bem, amigos, finalmente consegui retomar esta série com algo interessante. Visto que "Pong 4 Linux" não é nem de longe "interessante", e o nosso próximo projeto que já está "estourando a bolsa" – Sendo este o NABA –, é que eu comecei, de maneira independente, a criar uma engine para criação de qualquer tipo de jogo com menos passos do que normalmente necessário. O objetivo é criar um "Game-Maker-like" para Linux, visto que essa coisa não existe. Mesmo que sem interface...

Então eu comecei a pensar numa coisa... colisões.

Veja bem, todo jogo é baseado em colisões. Bom, nem todo. Alguns jogos podem ser abstraídos em função de outro tipo de coisa que não colisões. Mas esses são casos especiais. Em primeira instância, o que temos é um monte de objetos que interagem uns com os outros. E aí que mora o problema.

Dependendo de sua estrutura, um jogo "complexo" – em contraposição a jogos "simples" como Pong, Breakout e Tetris, que podem ser mais facilmente otimizados – é composto de muitos e muitos objetos. Pegue Super Mario Bros, por exemplo. Mario, cada inimigo, cada bloco quebrável, cada bola de fogo, é um objeto de jogo. E daí vê-se que existem algumas dezenas de objetos interagindo por fase. E agora é que entra a parte computacional do raciocínio.

...Post Completo
Comentários: 10
Avatar: Bruno Guedes

Script se rebela no PbBlog...

Escrito por Bruno Guedes em 25/05/2008 14:46


Okay, vamos começar...

Como vocês sabem, programei toda essa interface sozinho, do zero, para funcionar como um sistema de blogagem. Tava indo tudo bem, até que aconteceu algo.

O pessoal da WebPousada resolveu, finalmente, atualizar para o PHP5. E aí a desgraça começou.

O que aconteceu quando dessa atualização e eu fiquei sabendo da pior maneira possível – i.e., ocorreu um erro –, é que o PHP5 realiza uma coisa estranha, uma "validação de UTF-8" nas expressões regulares, o que causa um efeito colateral interessante de, quando o script tenta traduzir os nomes com acentos dos títulos dos posts e algumas tags para versões válidas para as URLs, ele simplesmente retorna um nada e um erro. Tudo bem que eu não entendo como é que um UTF-8 gerado pelo computador, e não, digamos, por mim, pode estar inválido de alguma forma, mas paciência...

Agora eu não sei como vai ser, porque eu ter que ficar atualizando os permalinks na mão no banco de dados é possível, mas o problema é que os links da seção "Posts por Tag" não funcionam mais, pelo menos para aquelas com acentos.

...Post Completo
Comentários: 3

Okay, ainda não aconteceu comigo, mas vai acontecer. Na verdade, o fenômeno colateral já aconteceu. Deixa eu ir direto pro assunto: é aquele povo que implora por link.

Veja bem: o sujeito vem no meu blog e deixa o típico comentário "adorei seu blog". Até aí tudo bem, isso normalmente é sinal de que as coisas estão indo bem. Mas aí vem os apêndices...

"Visite meu site, é www.qualquercoisa.com"

Sim, o sujeito vem ao meu site e pede que eu visite o dele. Já começamos mal, porque isso é totalmente indesejável. Por alguns motivos.

O primeiro e principal é que existe um campo para você colocar seu site no formulário de contato. É que você deveria apresentar seu link. Quem quiser entra, quem não quiser, não. Ser intrusivo, ao contrário do que muita gente acredita, não vai melhorar a fama do seu site. Fim de papo.

Pior ainda se o sujeito te manda um link quebrado ou o site nem tem nada. Típico webmaster que quer que as visitas apareçam por mágica. E já presenciei, sim. Paciência...

...Post Completo
Comentários: 14

Muito bem, amigos, depois de meses de tribulações, consegui resolver um problema que já achava ser sem solução. Agora, para todos os meus compadres usuários de Opera – todos os cinco =D – que estão com essa mesma dificuldade, aqui vai uma ajuda. Espero que o Google nos encontre rápido e pessoas não tenham que sofrer o que sofri...

O Problema

Opera e Flash não combinam muito bem. No Windows, não há problemas, a versão do Flash para o Opera funciona perfeitamente bem. Entretanto, no Linux a coisa não funciona tão bem. Logo que atualizei o Flash da versão... 6, se não me engano, para a 8, o Flash no Opera simplesmente parou de funcionar, embora o Mozilla estivesse feliz...

O que houve?

Depois de meses e meses de procura infundada por alguém que soubesse o que cargas trolhas estava acontecendo com meu Opera, fui ao lugar para onde, pelo visto, deveria ter ido desde o início: o site do Opera. Suporte, procura, "flash"... e lá estava o problema:

...Post Completo
Comentários: 7
Avatar: Bruno Guedes

Spammers preferem Yahoo, diz Akismet

Escrito por Bruno Guedes em 28/05/2008 22:11


Olá, pessoas de todo o Brasil. E spammers de todo o mundo que vêm cá jogar seu lixo no meu blog, também, se vocês conseguirem ler isto.

Enfim, lembra-se do meu problema com (quase) todos os blogs do Worpress? Bom, eu até comecei a achar que era algum complô do Wordpress pra me forçar a parar de usar meu próprio sistema e migrar para o deles. Mas não, é pior. Vejam bem...

Cardoso se indignou com essa bizarrice e resolveu, então trombetear aos quatro ventos minha situação bisonha. Como ele é bem mais lido que eu, a galera se juntou em massa para opinar, e várias sugestões da causa do problema apareceram, até que...

Phil Souza em 27/05/2008 às 1:31 pm TODO email do yahoo o akismet sacaneia. Pelo menos o meu blog. Se o email dele for yahoo tem bastante chance...

Eureka, Phil! Meu e-mail do Yahoo! Foi batata: fui no blog do Pedrassini Pedrasssani (é cada nome...) e mandei o comentário com um email do gmail(falso, eu não tenho email do gmail) e voi la! O email foi pra moderação ao invés do spam.

...Post Completo
Comentários: 8

Buenas tardes, amigos visitantes. Token na área com as notícias de sexta. Vamos ao que interessa.

Hoje é o aniversário da digníssima senhorita Aline C. Lopes, aka "A Namorada do Rapaz". Nesta presente data, caso alguma possível futura namorada vá ler isso. O que duvido muito. Não que a namorada não use Internet, é que eu acho que não haverá uma, mesmo.

Ennnnnnnfim: devido a isto, nosso amado rapaz estará em viagem, juntamente com sua Toupeira Profissional – eu não sei porque é ele que vai, não me pergunte! – para Matozinhos. Agora entendeu?

*Caham* Então... isso quer dizer, novamente, sem posts do Garoto ou do resto das toupeiras, porque o Korso é um artista, logo prefere usar seu tempo livre para... ficar livre. E Töpo está em férias compulsórias.

Aproveitem, então, um fim de semana no qual planejo estrear minha carreira como humorista da Internet. Não prometo nada. Esperem qualquer coisa, desde "FAIL", o padre voador, listas... o que der na telha.

...Post Completo
Comentários: 5

Powered by Parascalops brewerii Blog Engine 1.0, by Bruno Guedes, 2007
Melhor vizualizado em resolução 1024x768, em navegador Opera 9 ou superior
Mozilla, Mozilla Firefox, Safari, Seamonkey ou outros também são bons
Não recomendamos de forma alguma o uso de Internet Explorer de qualquer versão