Este blog é um oferecimento de...

Bruno Guedes e Toupeiras
Completo RSS My Yahoo! Google
Por Autor
Token RSS My Yahoo! Google
Bruno Guedes RSS My Yahoo! Google
Töpo RSS My Yahoo! Google
Toupeira Profissional RSS My Yahoo! Google
Korso RSS My Yahoo! Google

Bruno Guedes & Toupeiras por Bruno Guedes A. Viana é licenciado sob uma Licença Creative Commons
Atribuição — Uso Não-Comercial — Vedada a Criação de Obras Derivadas
2.5 Brasil

Para mais informações, consulte nosso FAQ

AVISO IMPORTANTE!

Talvez você não tenha notado, mas este site já não está mais em funcionamento. Nosso novo ponto é agora o Bruno Guedes e Resenhas.

Em breve este blog não receberá mais comentários, e até o final do ano esta página será transformada em um portal para o novo site, que será enfim transformado em um redirecionamento definitivo.

Portanto, atualize seus favoritos e seu leitor de feeds, e continue lendo nossos textos em nosso novo site!

Tenha um bom dia e obrigado pela preferência!

Avatar: Bruno Guedes

Tchau, Caroline!

Escrito por Bruno Guedes em 21/06/2011 23:06


Pela primeira vez em muito tempo eu vou arriscar a pedir que vocês tomem um pouco do seu precioso tempo e leiam este post e, se puder, comentem. Deve ser porque, se não for agora, não vai ser nunca mais...

Sejamos diretos, este blog já tá com o pé na cova, vamos só dar um empurrãozinho e jogar terra em cima, okay?

...tá, não ficou legal. Deixa eu começar de novo.

Pra dizer a verdade, o que anda matando meu ânimo de escrever não é a falta de idéias. E nem tanto a falta de tempo, ou não até o início deste mês(daqui a pouquinho explico por quê). Era mais exatamente falta de sentar e escrever. Que é também a razão deste anúncio ter demorado uma semana pra ser feito. Mas voltando ao assunto principal, essa falta de sentar e me forçar a produzir teve uma solução para o caso, por exemplo, dos meus quadrinhos: uma agenda fixa. Mas com o blog isso era impraticável, não só porque eu não tinha nenhuma garantia de ter assunto toda semana três vezes por semana ou fosse qual fosse meu horário, não havia garantia também de que os assuntos que eu tivesse pra escrever ficariam na minha cabeça quando eu finalmente sentasse pra escrever. Isto combinado com minha usual insegurança de publicar aqui(tem vários que ficam pra sempre no limbo, esperando pra serem revisados e publicados) só ia me criar um compromisso regular de completa futilidade.

...Post Completo
Comentários: 7
Avatar: Bruno Guedes

Eu não faço nem idéia...

Escrito por Bruno Guedes em 21/02/2011 13:05


Eu sou veemente contra o que estou fazendo aqui agora, mas acho que tenho pouca escolha. A questão é que, assim como não se arranca um carro a 120 km/h logo depois de ligá-lo, não dá pra tocar um blog de volta à vida sem algo que pelo menos pareça um prelúdio.

Mas a letargia de férias me pegou de novo. Isso, e alguns outros empreendimentos pessoais de minha parte. Além disso, suponho que eu precise aprender a me preocupar menos e postar mais.

Em suma: estamos voltando. Eu diria "estaremos", mas não quero me dar mais prazo do que eu já me dei, além de fazer o gerúndio soar pior do que já está.

Em breve, eu e toupeiras(e Token, céus) estaremos de volta às atividades normais. Ou assim espero.


Bruno Guedes é blogueiro, ex-universitário e sem rumo na vida, por ora.


Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Meu Louva-a-Deus de Estimação

Escrito por Bruno Guedes em 07/01/2011 11:07


ivemos um bocado de animais de estimação em casa nos 21 anos que posso me lembrar. Atualmente são duas cadelas, uma gata e dois cães de guarda do meu pai(que são dois pinchers com nome de dupla sertaneja). Antes de tudo isso, minha irmã tinha um cachorro que era o poodle mais calmo que eu já vi na minha vida, e deve ter tido uns 40 filhos ao longo da vida. Tivemos também um acará selvagem que sobreviveu muito mais tempo do que eu imaginava que um peixe vivesse, e no final acabou comendo o único companheiro que teve(acarás são territoriais? Nem sei...) pouco antes de partir desta pra melhor. Mas isso não inclui um monte de coisas que eu andei criando(mal e porcamente) durante meus anos de vida em Barbacena(e alguns em Belo Horizonte também).

Tive um canário(um gato comeu), um pintinho(todos nós tínhamos, até minha irmã tinha um pintinho, veja que trocadilho horrível), vários girinos(a primeira safra virou sapo e vazou, o resto acho que nunca conseguiu subir à terra), cinco hamsters(4 consecutivos, um bem depois), um beta amarelo(morreu quando voltei de uma viagem no fim de semana e descobri que alguém deixou cair a tampa dentro do aquário, esmagando o coitado), um casal de platis(que deu filhotes), um casal de guppies(que deu muitos filhotes) e um louva-a-deus.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Viajando no Tempo

Escrito por Bruno Guedes em 21/10/2010 14:37


Caramba. Acho que acabei de voltar de uma viagem no tempo.

Por alguma razão comecei a ler posts antigos do Hoje é um Bom Dia. Andando de categoria em categoria, voltei à notícia da morte de Tina Oiticia, "a Tina", em Julho de 2008. Até aí, normal.

Mas aí eu exercitei um costume meu não muito comum, o de procurar por comentários meus no blog dos outros. Achei. Um relato de algo que me aconteceu há tempo atrás, envolvendo exatamente a Tina e o Kid(mais a Tina que o Kid). O que houve é que ela me mandou um email me repreendendo por acreditar na versão do Kid dos fatos ocorridos(em meados de... sei lá), e eu respondi que eu não tinha nada a ver com a história, mas se ela se importava tanto assim, que mandasse a versão dela. Enfim, a questão é que isso ocorreu porque ela me reconheceu dos comentários do Contraditorium, do Cardoso. E aí lá fui eu procurar por pistas.

...Post Completo
Comentários: 6
Avatar: Bruno Guedes

Tem novidade no blog, caso queira saber

Escrito por Bruno Guedes em 14/10/2010 11:12


Recapitulando os acontecimentos dos episódios anteriores...

Depois que a senhorita(?) Iara Alencar me deu um toque sutil, eu resolvi começar alguma coisa para recompensar meus comentadrers de alguma forma. Recebi boas idéias, mas pouco práticas para a minha situação de escritor esporádico(ou melhor, cinco escritores esporádicos), então deixei o assunto arquivado.

Daí eu tive uma boa idéia, de novo ligada à comentários(dessa vez no twitter) provenientens de dona Iara.

Olhe para a esquerda da tela. Ali tem uma seção de "Estatísticas". Tínhamos ali uma seção de "Top 10 Comentadores", listando as pessoas que mais comentaram na história do site(descontando os próprios autores). Só que o que acabou acontecendo é que, durante o meu início de carreira superprodutivo, o sr. Isaias Malta acabou tomando conta de 50 e tantos comentários, um número absurdamente maior do que o de qualquer outro leitor. Até aí tudo bem, mas o senhor Isaias nem comenta mais por aqui(não com a mesma frequência, pelo menos... aliás, cadê tu, Isaias?!). De certa forma, isso prejudicava o pessoal que estava aparecendo por aqui recentemente e comentando, porque era improvável que alguém fosse tomar essa posição dele.

...Post Completo
Comentários: 6
Avatar: Bruno Guedes

Resenha: O Apanhador no Campo de Centeio

Escrito por Bruno Guedes em 05/08/2010 13:17


Sim, esta é uma resenha de um livro que não será feita pelo Korso. O motivo é que acho que ele se perderia demais nos méritos literários e subtextos sutis e perder alguns pontos que acho que merecem ser ditos. Por exemplo, que Holden Caufield é o primeiro narrador que eu tive vontade de socar no meio da cara.

Esta não é a capa original, mas é a aquela de que eu mais gostei, então tá valendo! Mas vamos por partes: peguei O Apanhador no Campo de Centeio numa segunda-feira e terminei em uma sexta-feira então, vá por mim, se você não quer se arriscar com um livro enorme, esta é uma boa opção. O livro não é complicado e, só pra te adiantar, não tem nenhum campo de centeio. Digo isso porque eu li este livro na estranha esperança de que houvesse um verdadeiro campo de centeio com um apanhador nele, mas isto na verdade é uma metáfora. E, sendo sincero, não sei como exatamente esta idéia me atraiu, acho que eu gosto de realismo mágico. Mas vamos chegar neste ponto daqui a pouco.

...Post Completo
Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Eu podia estar enrolando...

Escrito por Bruno Guedes em 08/07/2010 14:22


Eu poderia tecer um post imenso explicando minha incrível incapacidade de passar por aqui e escrever um texto sobre algo qualquer que me interesse...

College Bites

Mas ao invés disso, vou deixar meus quadrinhos fazerem o serviço.


Bruno Guedes é universitário, blogueiro e continua sem um pingo de capacidade de planejamento temporal.


Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Me ajude a te ajudar a ajudá-los

Escrito por Bruno Guedes em 10/06/2010 11:20


Can I hear you now?

Como já mencionei aqui alguma vez antes, eu adoro seus comentários. Gosto da presença humana de outras pessoas por aqui, lendo o que eu tenho a escrever e criando um diálogo a respeito do assunto, me dando algum feedback sobre o assunto ou sobre o modo como eu escrevo. Em outras palavras, eu adoro saber que tem gente lendo o que eu escrevo.

Adoro ainda mais quando, no meio de várias notificações de comentários com nada mais do que links e mensagens sem a mínima coesão ou algum mínimo de conteúdo inteligível, existe um leitor legítimo. Mesmo alguns notáveis propagandistas que pelo menos tentam fingir que estão prestando atenção, eu até deixo passar, pelo esforço. E também pelo bom senso de não encher o texto do comentário de links, deixando o spam por conta do link no nome do comentárista.

...Post Completo
Comentários: 6
Avatar: Bruno Guedes

Mais Atitudes?

Escrito por Bruno Guedes em 01/06/2010 23:21


Então tá, vamos fazer isto logo...

Referenciando o título do blog de Iara Alencar e coincidentemente no mesmo dia em que o Teilor resolveu acabar com o blog dele, eu resolvi tomar uma atitude a respeito disto aqui. Isto, claro, sendo o blog.

Cada vez mais eu olho pra trás e vejo que um dia eu escrevi horrores, e hoje estou custando a ter oito textos por mês. Considerando que eu era bem mais desocupado naquela época, e que ultimamente eu também ando ponderando mais antes de postar, ainda assim eu estou um tanto insatisfeito com meu desempenho.

Daí eu penso que, se eu resolvi acabar com aquele compromisso de meio post diário justamente pra não comprometer tanto a qualidade dos textos quanto o meu tempo para coisas que são obviamente mais importantes do que este blog(já discuti isto várias vezes, aliás), a total falta de prazo teve o efeito indesejado de me dar a impressão de que, no fim das contas, eu não tinha mesmo que atualizar esse site com frequência. O que, embora seja verdade no plano das prioridades, é um contra-senso no sentido de, se eu passei tanto tempo programando essa coisa e botando ela pra funcionar, um post semanal chega a ser negligência.

...Post Completo
Comentários: 4
Avatar: Bruno Guedes

Comemorações(e de volta ao dia-a-dia)

Escrito por Bruno Guedes em 10/05/2010 15:30


Passou o fim de semana e deixou pistas. Alguns talvez se lembrem que o dia 8 é consagrado como o Dia Internacional de Bruno Guedes. Leves toques de humor à parte, meu aniversário foi bem, ganhei alguns presentes e tivemos um churrasco com pelo menos metade da família. O menos divertido foi o ensaio da cerimônia e missa de colação de grau(a rigor, não estou me formando, mas a festa está paga e eu vou me formar... algum dia; então comemoremos!), mas ainda com bons momentos(somos uma turm a legal). E no dia seguinte...

Dia seguinte era Dia das Mães, e obviamente a família reuniu-se toda na casa da avó. Tivemos um almoço intenso – tinha tanta lasanha que dava pra fazer uma analogia hiperbólica de enormidade que não me vem à cabeça no momento – e um filme depois(na verdade dois, mas no segundo eu já estava quase dormindo). E depois de tudo feito, a família ia indo embora e agora já resta somente a arrumação do dia seguinte.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Miudezas III.V

Escrito por Bruno Guedes em 19/04/2010 23:58


Com a situação apertando pro meu lado(cinco trabalhos e provas... só nesses dois dias!), não dá pra escrever nada mais elaborado. E, como o "Miudezas IV" será dedicado à Serena, a dachshund pastora de galinhas, este aqui fica sendo o numeral romano entre III e IV... que não existe, então eu inventei.

Enfim, tudo começou há seis anos atrás, quando eu tinha um hamster(o quinto, eu acho) que fugiu para debaixo do piso de cimento do quintal de casa. Eu deixei um punhado de sementes de girassol do lado de fora do buraco onde ele se enfiou, mas ele nunca voltou. Como consequência dessa aventura, entretanto, houve um breve momento em minha vida em que eu fui plantador de girassóis.

Do primeiro punhado nasceu uma bela moita, que era, aliás, uma bela visão. Aliás, por algum milagre, achei essa foto antiquíssima(da época em que eu ainda tirava fotos, com uma câmera óptica ainda por cima), então apreciem:

Era, realmente, uma moita enorme

...Post Completo
Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Elementar, meu caro leitor

Escrito por Bruno Guedes em 08/04/2010 02:43


De repente eu notei, com certo assombro, um buraco de pelo menos uma semana nas postagens. Os arquivos mensais horrivelmente curtos, o RSS estranhamente silencioso no Google Reader. Eu notei, simplesmente, a queda horrenda e súbita de publicação no blog.

Obviamente, eu fiquei me perguntando "What the hell, Bruno Guedes? Como assim você não anda mais atualizando este blog? Sua lista de posts pra escrever está cheia, você tem idéias todos os dias no ônibus e anota... o que está errado?"

Daí ontem eu percebi o que havia de errado. É tão óbvio que não sei como não percebi antes.

Eu tenho um sério problema com revisão de textos. Ou mesmo deixar pra terminar depois. Basicamente o que acontece é que a minha metafórica "gaveta"1 é um buraco negro, i.e. o que entra não sai mais – com raras exceções. Mas a questão é que existe somente um jeito de eu realmente escrever e publicar coisas. É escrevendo na hora.

Não mentirei pra vocês, o texto médio do Bruno Guedes & Toupeiras demora no máximo uma hora pra ser escrito, com maior parte do trabalho de pesquisa feito na hora. Sim, a qualidade e "relevância" do texto sofre um pouco, mas eu sei que se deixar pra depois eu vou esquecer, ou, como tantos outros textos, achar que não está bom e reescrever.

...Post Completo
Comentários: 1

Ratificando um velho ditado do nosso blog, não se leva o Token a sério. Estamos aqui, mas estamos com alguns problemas de gerenciamento. Eu tenho cada vez menos tempo pra escrever, TP está tentando continuar o curso de programação custe o que custar, Töpo está dando a pausa obrigatória entre um post e outro e o Korso... está exercitando seu direito ao ócio criativo. Nada pior que um artista que não conhece o conceito de prazos. Se bem que ninguém aqui tem muito senso de dever, então dá na mesma...

Mas vamos lá, alguma coisa eu andei fazendo. Juro. Por exemplo, semana retrasada eu resolvi que um ano era tempo o bastante pra adiar a criação de uma interface pra organizar minhas tags. Daí fiz tudo direitinho, eu podia renomear, remover e até mesclar as tags umas com as outras, e os artigos eram atualizados de acordo. Lindo.

Aí deu errado. De repente, todos – repito: todos — os textos estavam com uma tag "férias", que, pior, direcionava para uma URL acentuada. Desastre total, e resolver seria complicado: teria que remover a tag desastrosa e re-adicionar algumas que foram perdidas – inclusive a tag mesclada número 1 do senhor Töpo Talpos, "humanidade", que por alguma razão simplesmente sumiu! –, o que demandaria re-leitura e classificação de 209 posts. Ao invés disso, resolvi apelar para a soução alexandrina e cortar o nó górdio.

...Post Completo
Comentários: 2
Avatar: Bruno Guedes

A Saga de um Notebook II: O Retorno

Escrito por Bruno Guedes em 10/02/2010 16:47


Okay, creio que nunca houve um "A Saga de um Notebook" original, mas é porque a primeira visita do meu querido colega foi relativamente sem problemas... exceto porque a AT fez o pedido e as peças nunca foram enviadas, e eu tive que ligar diretamente para o fornecedor pra ver se eles se tocavam... mas enfim. Isso foi em 2009. Este drama pessoal agora é mais atual. E nem é tão dramático, mas eu estava a fim de preencher tempo e manter o blog rodando(e, não, eu não me esqueci da Serena, a pastora de galinhas... fica pra próxima!). Então, vamos à última visita de meu caro computador portátil à assistência técnica...

Tudo começou em Novembro, quando, pela segunda vez, meu querido Positivo Z80 começou a demonstrar problemas na tela. Quando a tela era movida, a imagem se embaralhava toda, e era preciso dar uma balançada no monitor para que a imagem voltasse. Nada grave, mas como a garantia iria expirar em 29 de Dezembro, eu tinha que agir rápido. Esperei acabarem todas as atividades do ano para finalmente fazer meu backup e enviar o coitado para receber os devidos cuidados. Finalmente, no dia 22, ele foi deixado numa autorizada e eu fiquei tranquilo.

...Post Completo
Comentários: 2
Avatar: Bruno Guedes

Miudezas III

Escrito por Bruno Guedes em 26/01/2010 14:37


Bom dia, estamos de volta aqui a este espaço na internet, de volta com "Miudezas", nosso não tão periódico post de atualizações. Mas, diferente do que eu prometi, não será hoje que falarei de cachorros, gatos e galinhas. Hoje vou só deixar vocês a par da situação.

Estive esta última semana em Matozinhos, e internet até tinha, mas em um Telecentro, e eu preferi não conferir nada. Estava mais de férias ainda que antes, então não quis nem saber. O resultado disso são alguns emails, um comentário num post antigo sobre meus hábitos misantrópicos(longo, aliás, Isaias que se cuide) e quase 450 tópicos no Reader. É, vai ser um mês cheio, fevereiro...

Mas, por ora, creio que estou de folga só agora, e logo as coisas vão esquentar, por causa de dois eventos: minha mãe cola grau em Letras amanhã; e meu irmão faz aniversário no dia seguinte. E isso significa, óbvio, festa, e festa significa arrumação antes. E vai sobrar algo pra mim, com certeza.

...Post Completo
Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Miudezas II

Escrito por Bruno Guedes em 07/01/2010 21:01


Olá, olá, bem vindo pra quem chega e prazer em revê-los pra quem está voltando. Eu ainda estou de férias e por isso mesmo anda difícil pensar em alguma coisa séria pra postar. Então eu vou falando de miudezas. Podem começar a fazer o bolão de apostas: em que número a gente vai chegar? Eu aposto em 6.

Enfim, férias, quase sem internet, acordando cedo com o sol no rosto, e também porque ficar mais tempo deitado na cama dura do jeito que é só pode fazer mal pras costas. Sério, acho que costuraram uma capa numa lápide, nunca vi colchão tão duro...

Mas, sério mesmo, está tudo bom. Estou fazendo o máximo para descansar o quanto posso, porque em março começa tudo de novo. E passando tempo com a família, que nunca é demais, não é não?

Única tristeza é a ausência do meu, digamos, instrumento de trabalho. Sim, o laptop, que fica pronto em cerca de dez dias. Quando eu estiver com ele vou poder produzir horrores, incluso desenhos e praticar programação. E, claro, posts, se eu não cair na letargia de férias de novo.

...Post Completo
Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Miudezas I

Escrito por Bruno Guedes em 31/12/2009 23:21


Estamos aqui, na miúda, mas ativos. Muito esparsos, mas há razões. Por exemplo, agora mesmo estou escrevendo este post em um computador alheio, em uma conexão de celular que, com muita boa vontade e a orientação certa da antena, chega a uns 100kbps. Ontem mesmo estava com o minimodem na orelha tal qual caneta de padeiro portuga, pra conseguir o melhor sinal.

Mas enfim, mesmo longe de uma conexão estável e rápida, mesmo sem meu querido e estimado laptop que esteve comigo por um ano agora(a garantia de um ano venceu anteontem, e eu fui rápido o bastante de mandar consertar o dito cujo antes disso), tentarei aproveitar este tempo para continuar a povoação deste site porque, como todos sabem, blog parado um dia ou outro finalmente morre, e eu não estou a fim de ver este blog morrer. Não ainda.

Até porque, se até Webcomics United estará ativa durante as férias com a contribuição de pessoas diversas que me fizeram o favor de desenhar algumas tiras pra ficar no lugar da programação habitual, este blog também vai fazer o possível.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Contra-Malandragem

Escrito por Bruno Guedes em 25/11/2009 11:26


Eu odeio spammers, e por mais que eu insista nisto eles continuam voltando. Não entendo o porquê, visto que meu sistema de moderação é infalível, até o momento nenhum deles passou. Teve um safadinho que tentou, mas eu captei a leitura de título e ele ficou na moderação, de castigo. De forma geral, entretanto, nenhum link vindo de máquinas indonésias consta neste blog, especialmente na sessão de comentários, e daí me bate essa irritação profunda ao ver que eles continuam tentando e tentando, sempre nos mesmo lugares. Daí eu fiquei de saco cheio e pensei que deveria achar uma solução...

A primeira idéia era, óbvio, migrar de volta pro Blogger ou tentar o Wordpress. Mas eu sou uma pessoa que leva muito em conta o valor agregado, então não ia abandonar meu bloguito depois de ter passado meses programando e depois aprimorando, e sem contar escrevendo nele. Somos parceiros, bróders e tal, enquanto ele não se provar uma falha completa, eu e ele estamos juntos. Ademais, eu adoro essa possibilidade de simplesmente reprogramá-lo quando dá na telha. Então, a interface fica. É, eu sou teimoso assim.

...Post Completo
Comentários: 6

Aproveito essa circunstância temporal para falar de um assunto que, como tantos outros, só está esperando pra ser escrito.

Começando pelo começo, hoje é aniversário de minha mãe, fato que me foi lembrado ao longo do dia por diversos sinais, mas também por um post comemorativo no blog dela. Que é escrito pelo meu irmão. Explico: este blog está aí como um placeholder para postar fotos das coisas dela, mas enquanto as fotos não vem eu e meu irmão estamos encarregados de deixar o blog rolando. Só que como eu já me incubi de cuidar de um blog, um site de quadrinhos e todo o resto da minha vida, eu nunca tenho cabeça pra postar coisas por lá. Eu tento, mas a última contribuição que eu tinha ele foi mais rápido(era The Tale of How). Enfim, é um blog típico de coisas catadas pela rede, com o toque pessoal de Marcelo Guedes(que acho que tinha um blog, mas tirou do ar antes que eu comentasse algumas palavras sobre o dito cujo). Telinha Guedes é o nome do espaço e também o nome da dona, planejado. Por ora, fica só o espaço guardado e mais um desejo de mais um ano feliz.

...Post Completo
Comentários: 2

Então eu descobri que meu suposto bloqueio criativo me impede de escrever comentários também. Ultimamente eu tenho lido textos, textos que gosto, inclusive, e não sai nada que preste. Quando muito, um elogio sincero, assim, mas a relevância – palavra, aliás, tão em voga, não? – é a mesma de tantos milhares de "gostei do texto" por aí.

Mas mesmo assim eu tento. Eu me esforço pra, pelo menos de vez em quando, bolar algum comentário. Nem que seja, mesmo, "o bloqueio tá foda, então vou só dizer que curti o texto". Por que? Como assim, "por que", por causa da lei universal da ética, "não faça aos outros como não gostaria que fizessem contigo". Eu gosto de comentários, me dá a impressão de que estou realmente pra gente, e não pras máquinas que ficam me mandando os mesmos spams nos mesmos textos(nota mental: implementar uma "tranca" nos comentários para os textos mais atacados). Nesse sentido, meus quadrinhos estão até melhores, porque meras 24 edições depois, já tenho gente aparecendo e dando uma palavra. Não que sejam uma maravilha(tanto faz, os quadrinhos ou os textos), eu já mencionei que tenho essa trava mental que me impede de me classificar acima de "bom", mas algo me diz que eu já tive mais gente por aqui...

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Mais um peixe meu na área

Escrito por Bruno Guedes em 16/09/2009 15:02


Eu estou tentando. Vocês podem ver, eu estou. Mas é que eu tenho esse grande problema...

Okay, na verdade eu tenho vários grandes problemas. Um deles, por exemplo, é redigir cronogramas. Outro é o de seguir meus próprios cronogramas, eu tenho o péssimo hábito de barganhar comigo mesmo, e minha força de auto-persuasão é incrivelmente... persuasiva. Mas enfim, talvez meu maior problema é criar muitos projetos inócuos com muita frequência. A bola da vez se chama Webcomics United.

Eu sempre quis fazer quadrinhos, fossem tiras ou revistas. Desenhei vários pela minha vida afora, minha mãe até tentou me incentivar a começar uma séries de quadrinhos políticos, mas política não é minha área de expertise... Enfim, agora com todos estes recursos maravilhosos à minha volta – um domínio próprio, internet banda larga, tablet... – eu resolvi deslanchar alguma coisa. Cinco idéias de tiras depois, nasceu essa coisa fofa:

...Post Completo
Comentários: 0

Então, tudo estava indo bem e eu teria saído ileso de meu atraso de 24 horas ou menos na minha publicação para o BlogDay... não fosse um pequeno detalhe que me passou despercebido duas vezes e uma senhorita enxerida chamada Iara Alencar. O detalhezinho?

Find 5 new blogs you find interesting

I.e., eu tenho que descobrir os blgos pra publicar no 3108. Então, como eu sou um rapaz de princípios que acredita que os erros devem ser corrigidos, E também não tenho muito o que publicar por esses dias, resolvi retomar minha fracassada empreitada nessa história de BlogDay. Eu adoraria compensar o fiasco indicando não 5 mas 25 blogs, 5 por autor, mas eu acho que já vai ser difícil o suficiente encontrar 5 blogs por aí e zapear por entre seus posts, então vou deixar como estava. Lá vamos nós...

...Post Completo
Comentários: 3

You know the drill: 5 blogs, 5 autores, vamos fazer as recomendações, tudo igual ao ano passado. Exceto os blogs. Dessa vez mudaram. Vamos, então, ao que interessa...

Bruno Guedes Nódoa do Universo - Do meu homônimo de sobrenome incomum, Pendrassini Pedrassani, um blog com assunto ainda menos definido que o meu, mas sempre uma boa pedida.

Toupeira Profissional Hoje é Um Bom Dia - Kid: nerd canadense, nascido no Brasil e trabalha numa sex shop. Se você quer algo incomum pra ler... =D

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Intrigosfera

Escrito por Bruno Guedes em 25/08/2009 20:48


Esta já é a terceira vez que tento publicar este texto. Estou tomando muito cuidado para cair no mínimo possível de contradições. É algo que me irrita, e eu normalmente deixo esses assuntos para nosso correspondente obeso e sem coração, mas neste caso tem a ver com blogs, então é mais minha praia. Mas chega de falar de mim, falemos do assunto em questão: deixa eu abrir o panorama praqueles que não estão familiarizados com essa maravilhosa subcultura que é a "blogosfera".

Aliás, já mencionei que tenho calafrios quando menciono esse nome? Há uma certa atmosfera ascética de formalismo e regulamentação nesse termo, sabe? E, assim como criar manuais de conduta para o Twitter, eu acho isso impróprio e indevido. Não que seja totalmente errado, e afinal talvez eu esteja realmente só vendo significados onde não os há. Mas o fato é que o termo é associado especialmente com esse subgrupo denominado "pro-bloggers", onde "pro" é sigla de "profissional". São, obviamente, pessoas que vêem a blogagem como uma profissão, um possível meio de vida com todos seus prós e contras e modus operandi. Obviamente, levam isto a sério, e se tem uma coisa que a internet odeia é levar algo a sério. Em algum momento esta heresia será notada por eles, os guardiões da completa falta de seriedade na rede. Estamos falando, é claro, de trolls.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Dura veritas, sed veritas

Escrito por Bruno Guedes em 12/08/2009 14:49


Antes de mais nada, não, eu não sei falar latim, eu só finjo muito bem, modéstia à parte.

Mas vamos ao que interessa: este texto do Norberto Kawakami me inspirou a escrever este daqui.

Se você não leu o texto, ele discute como funciona(ou funcionaria, essa questão eu não entendi muito bem) a seleção natural na nossa "blogosfera"1, e o que cargas d'água isso acarreta. É claro que eu sabia onde isso ia dar, que é exatamente a razão pela qual o Faustão continua apresentando aquele programa cujo nome me recuso a dizer(dizem que ao se falar demais dele2, o mal aparece; melhor não arriscar): qualidade não necessariamente é consequência ou causa de popularidade.

Em outras palavras: não adianta você ter a epifania que nos salvará da nossa auto-extinção(merecida, por sinal), se ninguém te ouve. Por outro lado, de nada vale visibilidade sem conteúdo. Não citarei exemplos não só porque qualidade é subjetiva, mas também porque não quero dar margem a intrigas nesta "esfera" que já está tão cheia de meta-intrigas de teor autoral, a última sendo uma reencenação do tema "blogar profissionalmente ou não". Talvez falemos disto outro dia. Talvez.

...Post Completo
Comentários: 0

Voltando de férias, estou novamente naquele estágio de letargia, mais pra preguiça que pra toupeira, provavelmente só iria escrever de novo lá pro meio do mês. Aí me aconteceu algo extraordinário: eu recebi um spam de mim mesmo.

E, aparentemente, eu escrevo em espanhol... muito mal

Estou brincando não, meus caros está aí o screenshot que não me deixa mentir. Claro que eu achei a coisa toda muito anômala, fui ler. A língua é um espanhol... inglês... "espanglês" que daria inveja no Google Translator. Dei uma olhada na minha caixa de enviados, nada. Então ignorei e pensei que algum desgraçado deveria estar fazendo spoofing com meu e-mail, então ignorei. Até que recebi um email de resposta do serviço de email do Yahoo, me contando que meu email não pôde ser enviado para tais e tais pessoas(a maioria emails que não existem mais). Aí a coisa ficou estranha.

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Fato: Vida > Blog

Escrito por Bruno Guedes em 16/06/2009 02:13


Eu sei o quanto vocês odeiam posts justificativos do autor tentando explicar por que ele não pode publicar há semanas. Logo, eu não vou tentar me justificar. Eu vou meramente explicar o que anda havendo na minha vida, com a pura consciência de que eu deveria ter pelo menos tentado postar algo.

Bom, pra começar, fim de semestre. Velha história: pulando de prazo em prazo. De vez em quando eu praticamente "descubro" os prazos no dia. Prova, trabalho, trabalho, trabalho, prova, trabalho, prova... publique-se um blog com uma rotina dessas...

Acima disso, o resto de minha vida pessoal também não ajuda. Talvez minha sorte é que eu sou meramente um estagiário/bolsista, com metade da carga horária de um trabalho de verdade, caso contrário estaria, como dizem mesmo... ah, sim: sobrecarregado.

Prosseguindo: blog não é nem minha única "atividade extra-curricular". Na medida do possível, tento manter um contato com meu lado artístico levemente dormente e estagnado(a bem verdade, ele anda se recuperando), e minha vida social, embora míngua, exige sua parcela de tempo. E Aline está com suas próprias dificuldades e, como a ocorre nesse tipo de relação, um pouco disso vaza pra mim. Tempo, tempo, tempo, tempo... é o que me anda faltando.

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Changes...

Escrito por Bruno Guedes em 28/04/2009 18:59


Antes de mais nada, estamos todos meio empacados na escrita de posts. Exceto o TP, que só está parado pela nossa nova política "nada de posts consecutivos do mesmo autor", e eu, que já tenho postagens demais, e estamos fazendo rodízio. Acho que até sexta alguma coisa sai.

Enquanto isso, deixa eu deslocar a atenção de vocês para o nosso novo banner. Sabe, esse pedaço comprido de site que tem aquela imagem com o nosso título nela? Pois é, depois que minha querida mãe falou mal(repetidamente) do nosso outro banner em pixel art, eu estive trabalhando nessa coisa aí pelos últimos... meses, mas realmente só nos últimos seis dias. Mas a parte mais legal desse banner é que ele é dinâmico! Permita-me explicar...

Temos agora 6 banners, um para cada autor e um geral. Neste exato momento você deve estar vendo uma figura com um sorridente e feliz eu acompanhado do letreiro "Bruno Guedes & Toupeiras". Pois então, caso o visitante esteja em uma página de autor, ou em um post específico, ele verá o banner correspondente. Caso contrário, o que ele vai ver é esta imagem de nós 5, finalmente em escala(ou nem tanto, nunca defini direito o tamanho do Korso...)

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Bruno Guedes Maturado

Escrito por Bruno Guedes em 10/03/2009 13:00


Eu sou o dono do corpo, então eu falo primeiro... depois do Token, é claro. Ele é o arauto oficial, deixa ele curtir.

Enfim, ontem foi marcado o fim do meu primeiro ano de blogagem em domínio próprio. Isso é, claro, um marco, embora eu tenha minhas próprias desavenças com marcos que envolvem a Terra dando a volta no Sol e tal e coisa e tal. Mas, para fins de comparação, é importante ter um "quantum" para medir a passagem do tempo e as mudanças gerais. E, caramba, se muda um bocado em um ano...

Mas comecemos pelo que não mudou. A maioria das pessoas que eu conhecia ainda estão vivas – embora eu só tenha perdido contato com grande parte delas, então não tenho certeza –, e meu namoro vai bem. Minhas ambições – as poucas que existiam – ainda são basicamente as mesmas, e a cara do site é o mesmo esquema em preto e branco e caixas quadradas de sempre. E minha sanidade mental ainda se enquadra nos limites do "clinicamente sadio". Êba!

Agora falemos da minha experiência como escritor de blog. Eu não sei bem o quê, mas tenho certeza de que alguma coisa aí melhorou. Talvez meu senso de compromisso com meus (poucos)leitores; ou eu tenha andando alguns pequenos passos em meu longo caminho em direção à relevância; ou talvez eu simplesmente conheci alguns contatos interessantes... Enfim, nas palavras do culturalmente imortal Fernando Pessoa, "tudo vale a pena se a alma não é pequena". Metafísica à parte, levando em conta que eu entrei nisso com pouco mais do que um corpo, cinco mentes e uma leve falta de noção(sem contar um sistema em PHP/MySQL de minha autoria e um domínio), eu devo dizer que o que veio depois foi lucro. Em suma, dá pra tirar uma lição útil de qualquer coisa...

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Já comentei que ODEIO spammer?

Escrito por Bruno Guedes em 11/02/2009 21:51


Caros leitores...

Creio que subestimei imensamente a capacidade de spammers de se utilizarem dos meios mais inócuos para viralizar sua publicidade. E, o que é pior, viralizar à força. Eu vejo um spammer mais ou menos como um sujeito que corre atrás das pessoas com uma seringa cheia de varíola: ele não quer que a doença se espalhe naturalmente, ele quer forçar ela a se espalhar.

Enfim, ontem resolvi finalmente limpar minha caixa de moderação. Caixa essa, aliás, que precisa de algumas modificações para melhorar a usabilidade, mas depois trato disso. O que importa no momento é que fui instantaneamente informado de que haviam pelo menos 500 comentários sob moderação. Quinhentos. Em não mais do que dois meses.

100% eram spam. Aliás, eu recebo emails quando os comentários são postados, eu sempre sei quem é spammer e quem não é, porque os spammer assinam com "nomes" como "Texxpnoq" ou "Xzamnopte". Ou seja, lixo linguístico. Mas a questão não era o quanto era fácil detectar quem era spammer. É que tinham muitos. Demais.

...Post Completo
Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Lá de novo, de volta mais uma vez

Escrito por Bruno Guedes em 03/02/2009 12:58


Olá caros leitores, seja lá quantos são que dê pra contar nos dedos.

Hoje é dia 3 de Fevereiro, terça-feira. Não sei se fiz algum acordo verbal sobre o assunto, mas agora já está mais que a hora de voltar à ativa com "Bruno Guedes & Toupeiras". Se possível, com uma agenda mais ou menos regular, e um pouco mais frequente.

Começo imaginando que alguns de vocês virão com a "carta de condescendência", me dizendo que não há motivo para me forçar a escrever. Por um lado, é bem verdade, esse ofício não me traz dinheiro. Traz somente o prazer básico e humano de se ver publicado para o mundo inteiro. Em poucas palavras, o desejo de aparecer. E, como devem dizer, prazer obrigatório acaba se tornando um fardo.

Mas, por outro lado, a razão de ser desse blog se perde se eu me permito quebrar minhas próprias promessas. Okay, eu já quebrei um bocado delas, incluindo a de um novo banner feito em "não-pixel art". Mas há prioridades, e se eu desertar esse lugar por mais de um mês, creio que isso é praticamente uma garantia de perda de leitores. E isso é, definitivamente, indesejável.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Longos Dias

Escrito por Bruno Guedes em 21/01/2009 15:27


Do momento em que estou escrevendo – e planejo terminar – este texto, já faz mais de 15 dias que não publico coisa alguma. Em termos de escrever, não escrevo um texto completo para este blog já há mais tempo, pelo menos 20 dias. A última vez que me conectei à internet foi há uns 5 dias ou coisa assim. Descobri que meu Ubuntu entra em kernel panic quando conectado, por razões que desconheço – suspeito do Kopete –, mas isso não importa. O que importa é que meus leitores merecem satisfação. Mesmo que meus fãs neguem, acho que faz parte do meu dever como escritor de um meio de publicação teoricamente frequente. Então lá vai.

Letargia de férias. Tecnicamente eu poderia terminar o texto aqui, mas creio que perderia uns três leitores só nisso, então vou falar um pouquinho de como vão essas férias letárgicas.

Pra começar, passei pelo menos 70% de todo Janeiro no Sítio Santa Clara, também conhecido como "o sítio do meu pai"(ou o oposto, o sítio não tem nem placa). O sinal mais próximo de "civilização" são as luzes de Campolide – distrito de Antônio Carlos, perto de Barbacena – no horizonte à noite. Embora seja tecnologicamente bem equipada, até – a casa foi comprada com duas televisões –, conexão à internet é impensável, visto que a casa não tem sequer telefone. Além disso, passei a maior parte dos meus dias fazendo principalmente quatro coisas: dormindo, lendo, usufruindo deste meu querido novo laptop, e trabalhando. Já tenho até um calo pra contar a história. Mas fica pra próxima...

...Post Completo
Comentários: 4
Avatar: Bruno Guedes

Começa, ano, começa

Escrito por Bruno Guedes em 01/01/2009 02:00


Há uma semana atrás, eu falei que, apesar da minha misantropia e leve desprezo por coisas demasiado simbólicas e/ou artificialmente religiosas, eu e o Natal nos damos bem, obrigado. Aliás, este Natal foi bem legal. Mas enfim, agora você deve estar pensando que eu terei uma epifania a respeito do Ano Novo também, em como isso é uma coisa tão legal, as pessoas querendo se melhorar com as resoluções e blá blá blá... bem, daqui já deu pra sacar que não é bem assim...

Então vou direto ao ponto: Ano Novo(ou, mais especificamente, a festa de Reveillon) é completamnte supérfluo. E eu vou explicar por quê.

Tenho eu a mania irritante de pensar demais, e daí derivam coisas como um nível um tanto elevado de empatia(ainda que tardia, de vez em quando) e outro hábito absurdo, que é o de pensar em coisas em escalas cósmicas(ou microcósmicas, depende). Dia desses eu me peguei pensando "como será que a Serena1 pensa?", e depois tentando formar coisas em lógica de cachorro. Sério.

...Post Completo
Comentários: 5

Me dei a obrigação de escrever um texto de reconhecimento ao Natal. Explico já o porque de "reconhecimento". Dei a mim essa incubência, ao invés do onipresente Token, ou mesmo do nosso querido verborragista oficial, Korso Asclepius, porque afinal de contas o blog é meu. Eu tenho que fazer alguma coisa nessa joça.

Então vocês devem estar pensando o que eu, Bruno Guedes, recém-autoreconhecido misantropo, acha do Natal. Nada bom, vocês devem supor, afinal essa época é basicamente o inferno na Terra, com shoppings lotados, festas e blá blá blá. Tá, chega, deixa eu falar agora. Não. Eu tenho o incomum mal de pensar demais nas coisas, minha questão particular com o Natal não tem nada a ver com misantropia, tem mais a ver com religião. Mas mesmo assim, eu e ele vivemos bem.

Não é só porque o Natal é um feriado fabricado sobre uma antiga celebração pagã em honra ao solstício de inverno na época da expansão cristã na Europa1 que eu vou me esquecer das boas coisas que estão relacionadas a ele. Creio que não existam muitos motivos que façam uma família de... trinta e tantas pessoas se reunirem em festa. Sério, tem gente que mora nos EUA, gente, não é simples assim. É inevitavelmente uma fonte de boas memórias. E além disso, tem o "espírito natalino".

...Post Completo
Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Popularidade: Meh

Escrito por Bruno Guedes em 03/12/2008 18:51


"Meh" é uma daquelas coisas que se propagam pela internet e ninguém explica de onde veio. Aparentemente, de Os Simpsons, mas não tenho certeza. Trata-se de uma interjeição categórica de indiferença. Mesmo que ambas as expressões aqui usadas – "categórica" e "indiferença" – sejam antagônicas, o que só faz a coisa mais poética e eu gosto disso. "Mas o que isso significa, Bruno Guedes?" Ah, é simples...

Eu parei de me importar com audiência. Não me leve a mal, eu gosto das visitas, adoro os comentários, mesmo os raivosos e acéfalos que o Korso de vez em quando recebe desde o caso Habacuc – que já faz meses, aliás –, mas há uma diferença entre gostar da atenção e buscar a atenção. Vamos aos estudos de caso.

DeviantART. Eu estou lá, me chamo "pro-mole" (adivinhe o porquê). Estou lá faz uns dois anos e pouco mais. Com algumas páginas de arte. A respeito da segurança de expor ao mundo minha arte, ignore esse ponto. Teoricamente, elas estão protegidas por copyright, e também pela minha noção de que, sinceramente, quem roubaria isso? Mas vamos aos fatos: dois anos e cheguei às 2500 visitas. Outros "deviantes" mal completam um ano e já tem algo em torno de 100000, senão 200000. Minhas canecas com animais cafeinólatras provavelmente nunca foram compradas(eu acredito no sistema, podem me chamar de ingênuo). Em outras palavras, a impopularidade é gritante.

...Post Completo
Comentários: 7
Avatar: Bruno Guedes

Eu e minha barreira mental...

Escrito por Bruno Guedes em 18/11/2008 12:07


Korso estava escrevendo um pequeno post de apresentação da proposta de apresentar minha arte por aqui(link do deviantART à direita), e ele logo toca num ponto importante, que é o tamanho da nossa base "leitoral" recorrente. Umas dez pessoas, quando muito. E, como sempre, meu cérebro desandou a pensar...

É culpa minha. Não pode ser de mais ninguém, senão talvez as toupeiras, mas convenhamos... Enfim! Eu não faço publicidade tão bem quando deveria, por algumas razões: porque não sei fazer publicidade; porque tenho imensa preguiça disso(ver motivo seguinte); e porque tenho uma barreira natural que me impede o orgulho, a não ser em casos extremos. Isso, a mesma "proteção anti-orgulho" que prometi várias vezes falar sobre. Hoje é o dia.

Acho que li em algum lugar dos muitos livros do Sítio do Picapau Amarelo – provavelmente aquele de fábulas – que o César, o imperador romano, tinha sempre por perto um sujeito cuja única função lembrar ao imperador de sua mortalidade e falibilidade. Exagero, mas tá valendo pela metáfora: de vez em quando, no meio do orgulho e da exaltação, a gente perde a noção da nossa própria capacidade de cair de cima do pedestal. E isso é um problema. Daí eu criei meu próprio "regulador de orgulho", que toma cuidade de manter modesto a não ser quando a situação fosse genuinamente de orgulho. Afinal, tem horas em que se orgulhar é preciso...

...Post Completo
Comentários: 4
Avatar: Bruno Guedes

Lá, e de volta outra vez

Escrito por Bruno Guedes em 07/11/2008 14:04


Duvido que citar Tolkien vá me trazer as milhares de visitas diárias que espero, mas enfim...

Estamos de volta! Não, sério! Vou retomar o hábito de escrever no tempo livre, ao invés de criar tempo livre pra escrever. É, a situação está crítica, gostaria de estar brincando. Essa é, basicamente, a última semana com alguma folga até o fim de Novembro. Daqui pra mais são trabalhos e provas se "encalacrando"... vou até ter que fazer pesquisa de opinião. Mas enfim...

Vamos às notícias. Inicialmente, estamos todos vivos e bem de saúde, a não ser uma maldita dor nas costas e na coxa que aparece de vez em quando. Mas passa, sempre passa. Falando da vida, Aline vai bem, a faculdade está me matando aos poucos, e eu ainda não fui coagido a me mudar do meu quarto, o que é um bom sinal. Ou um mal sinal, porque significa que eu posso ser forçado a tal durante um período definitivamente menos propício. É aguardar para saber.

Voltei a ler literatura "normal" – ao invés dos livros técnicos e apostilas de costume –, por razão das recentes compras efetuadas no Anime Festival. Que, aliás, não estava bom: AF sem desconto nos mangás e sem arroz caramelado não dá. O resultado é que comprei mais literatura ocidental que qualquer outra coisa. Mas isso não vem ao caso. Prossigamos.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Sem querer me justificar, mas...

Escrito por Bruno Guedes em 25/09/2008 13:12


Pois é, tem uma razão para a falta de posts ultimamente. Três, na realidade. Mas antes de citá-las: eu sinceramente não gosto de me jsutificar a respeito desse tipo de coisa. Sinceramente, eu sinto que eu devia era estar escrevendo um post de verdade – ou, pelo menos, deixar o Token postar alguma coisa engraçada que ele acha pela internet afora –, e não escrevendo sobre "por que não estou escrevendo". Me sinto como se tivesse pendurado a mim mesmo no topo dessa página com uma placa "I AM LAZY". Se não entendeu, não queira, piada interna da Internet.

I AM VERY LAZY

Enfim, vamos às razões propriamente ditas.

1. Projetos. Estou trabalhando – meio – duro pra ter pelo menos alguma coisa pronta a respeito dos meus projetos particulares. Que, coincidentemente são três, também: nosso querido Sloth, um projeto meio natimorto de webcomics(quadrinhos, meus caros) e o código por trás desse site que vos fala(conhecido por mim como PbBlog). Deixar a coisa toda funcionando, sem "pontas soltas", tudo bonitinho e arrumadinho é mais complicado do que parece, e obviamente consome tempo. E tempo é uma coisa que sempre falta.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Meio pra lembrar, meio pra não esquecer

Escrito por Bruno Guedes em 19/09/2008 01:53


Uma lista de coisas. Alguns projetos, alguns lembretes, e algumas curtas pra não esquecer ou só pra escrever antes que alguém o faça.

Além disso, perdi um post do Token a respeito do mais novo vírus de email, lançado por meio de um veículo um tanto... inusitado. Será reescrito(e revisado, para vermos qual foi o problema) outro dia. Talvez até amanhã. Enfim, aproveitem: ainda estamos levemente verborrágicos...


Metas: tenho que começar a criá-las e, principalmente, obedecê-las. Algumas metas que tenho em mente: escrever um conto por mês. Não precisa ser bom, nem grande, é só pra não perder a prática. Outra: terminar algum projeto pendente. O Sloth, aliás, está quase pronto e já está sendo usado em um trabalho de "IA para Jogos". E, finalmente, outra meta: parar de quebrar minhas promessas para mim mesmo. Particularmente, sou extremamente relapso comigo mesmo...


Daqui a uma semana, no máximo – tempo bastante pra deixar todos os trabalhos e provas dessa semana que vem escoarem –, vou dar uma reformulada na arte do site. Já falei do meu projeto de webcomic? Não, embora tenha alguns posts salvos... pois bem, será uma arte "promocional", além de dar ao site uma cara melhor. Espero que gostem.

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Feeds e coisas

Escrito por Bruno Guedes em 09/09/2008 23:35


É, estou em falta de títulos bons. Mas enfim, deixa eu falar uma coisa a respeito dos meus feeds. Principalmente para vocês, leitores do Google Reader. São uns vinte, se o Google Webmaster Tools não está mentindo descaradamente pra mim. Enfim, três coisas devem ser ditas.

Uma: devido ao fato óbvio de que leitores de feeds nem sempre comentam por pura preguiça – eu sei, eu também não comentaria... –, adicionei um link para o formulário de comentários direto no texto do feed, lá no fim. Aproveitei a carona e adicionei um pequeno disclaimer à guisa de marca dágua, para o caso de algum "splog" da vida resolver chupinhar meus feeds. Não custa prevenir, certo?

Então, a primeira coisa: se você é leitor de feed e nunca comentou aqui... comente, caramba. Comentários ajudam a melhorar o conteúdo desse site – teoricamente, pelo menos – e eu gosto de conhecer meus leitores, mesmo que vá me arrepender depois. Não que isso tenha acontecido, mas imagino que o Cardoso, por exemplo, deve preferir não conhecer alguns comentadores dele...

...Post Completo
Comentários: 2
Avatar: Bruno Guedes

Medo...

Escrito por Bruno Guedes em 07/09/2008 15:08


Normalmente eu sou uma pessoa razoável, como tantas outras. Uma pessoa com o pé no chão, apesar da minha imaginação hiperativa que insiste em criar e reviver histórias a praticamente todo momento. Enfim, o que quero dizer aqui é que eu sou uma pessoa bastante racional. Simples assim.

O que não é tão simples, entretanto, é que como qualquer outro ser vivo que evoluiu nesse planeta, existe uma parte de mim intensamente irracional que cuida, subconscientemente, dos dois objetivos principais de toda criatura viva: sobreviver e passar os genes para a frente. Basicamente, sim, "crescei-vos e multiplicai-vos". Isso explica, por exemplo, meu medo irracional de carros, motos e outros veículos motorizados – normalmente em movimento e vindo na minha direção –, assim como explica também um desejo claramente irracional de ter um filho – uma filha chamada "Ânima", se possível – entre outras coisas. Mas não explica muito bem outros impulsos mais... bizarros que acontecem durante a noite.

...Post Completo
Comentários: 4
Avatar: Bruno Guedes

Blog Day: nunca é tarde demais

Escrito por Bruno Guedes em 03/09/2008 01:00


Inicialmente, desculpas pela falta de atualizações. Isso é parcialmente culpa do empolgamento com o desenvolvimento da Sloth, e parte devido ao isolamento de dois dias nesse fim de semana no novo sítio de meu pai. Comento mais em outra ocasião porque deixamos passar o...

Blog Day 2008

Pois é, o Blog Day(também referido como 3|o8 Day, em leetspeak) é em 31 de agosto, ou seja, há uns dois dias atrás. Mas eu não podia deixar passar, porque esse ano temos uma abordagem especial...

Veja bem, as regras do BlogDay são:

1. Find 5 new Blogs that you find interesting
2. Notify the 5 bloggers that you are recommending them as part of BlogDay 2008
3. Write a short description of the Blogs and place a link to the recommended Blogs
...Post Completo
Comentários: 5
Avatar: Bruno Guedes

Sem Acento

Escrito por Bruno Guedes em 14/08/2008 01:16


Sério, eu não entendo. Não dá. Não tenho saco pra entender.

De quando em quando os servidores onde meu site se encontra páram de trabalhar com acentos da forma apropriada. Em poucas palavras, parece que a codificação-decodificação de UTF-8 vai pro saco. Explicando para os leigos... Deixa eu ir logo de uma vez pro problema.

Todo mundo sabe que URLs não têm acentos nem espaços em branco. Nem qualquer outra coisa que não sejam números, letras, traço(-), travessão(_) e outros símbolos(?&+...). Enfim, uma coisa que não pode, com certeza, são acentos. Muito bem, e o que ocorre? Ocorre que, para facilitar tanto a legibilidade das URLs, quanto a indexação pelo Google, eu mesmo trabalhei num script simples para retirar acentuação dos títulos e espaços. Assim um título como "A facção dos estúpidos" se torna "a-faccao-dos-estupidos". Eu até resolvi incrementar e transformar os "&" em "e". Muito chique.

Só que por alguma razão, de tempos em tempos o servidor despiroca e não consegue entender os acentos. Acontece algo que, por alguma razão que eu não entendo, invalida qualquer conjunto de caracteres que tenham algum acento no meio. Ele não entende, logo o que sai é "". Nada. Zero. String nula. E isso é um problema.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Saindo da Toca

Escrito por Bruno Guedes em 11/08/2008 17:51


Estamos atingindo o limite estatístico para manter nossa promessa de 0.5 post/dia, então vamos deixar a letargia pra trás e prosseguir em mais um semestre de loucuras talpídeas com Bruno Guedes e Toupeiras (e Token). Comecemos com mais um Especial de Fim de Semana, que, embora esteja muito, mas muito esporádico, pelo menos vale a pena não deixar morrer. Então vamos.


Conforme habilmente mencionado por Töpo Talpos, foi nessa sexta-feira que fui obrigado a comparecer à seleção geral do Serviço Militar – acho que, inclusive, é crime não comparecer... Alguns fãs – todos os três, talvez – devem se lembrar que eu tenho 19 anos e, portanto, tem alguma coisa errada aqui. Tem. Eu perdi – ou, melhor dizendo, me esqueci de – fazer a inscrição no período de 3 de janeiro a 30 de abril do ano passado e fui fazer essa bagaça só lá pro dia 17 de dezembro, logo me jogaram pro ano seguinte. Procedimento padrão. O que não é muito padrão, imagino, foi que eu tive que aparecer lá de novo no meio da Semana Roseana só pra eles me dizerem que dia eu teria que fazer a seleção. Mas enfim, vamos aos fatos rápidos.

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

E assim segue a semana...

Escrito por Bruno Guedes em 01/08/2008 02:11


Então vejamos por onde começar... a semana passada.

Devido aos laços familiares – avós paternos, duas tias-avós maternas e mais um número de tios e tias de primeiro, segundo e até, talvez, terceiro grau –, tradicionalmente a viagem a Cordisburgo é um must das férias, uma vez a cada seis meses. E também para o resto da família, tios e primos e mais alguns agregados que ficam por lá numa mesma casa que, felizmente, é grande. Não necessário dizer, as férias são animadas.

Mas enfim. Essa semana de férias foi metade programação cultural, metade férias familiares costumeiras, incluindo as noitadas e cervejadas de sempre. Mas a metade das férias guedes-azevedo fica pra outro dia. Vamos falar da Semana Roseana.

Não sei se eu já mencionei – acho que não, embora eu sei que já falei isso com Aline – que eu sou uma pessa simples, no sentido de que pouca coisa realmente me desagrada. Como diria minha mãe, "a melhor comida é a comida pronta", e eu aplico esse princípio a praticamente tudo: a melhor festa é a festa pronta, sem as encheções de saco com organização e et céteras. Então eu achei que tudo estava muito bom. E agora vem o porém...

...Post Completo
Comentários: 2
Avatar: Bruno Guedes

Essa tradição ainda não está morta!

Escrito por Bruno Guedes em 17/07/2008 15:56


Mais uma vez, os melhores da semana — ou das semanas, foram duas desde a última vez — no Bruno Guedes & Toupeiras. Comecemos logo antes que eu desista de publicar mais este post...

Blog do Cardoso - Isso que chamo de idéia de retardado: Da série "coisas que deveriam ser ditas, eu só não sabia como", Cardoso comenta a "coitadização" da onda do politicamente correto de forma franca e bem articulada. Nossos aplausos.

Dia de Folga - Projeto de Cibercrimes - colocando os pingos nos is: Posts informativos a respeito de assuntos polêmicos e mal compreendidos são sempre bons. Este aqui, pela Lu Monte, fala do Projeto de Lei a respeito da internet, iniciado pelo senador Eduardo Azeredo. Não é o fim do mundo, mas esse tipo de coisa tinha que ser feita por quem entende do assunto...

...Post Completo
Comentários: 1

Como já notado por alguns — e também pelo Akismet — nós do Bruno Guedes & Toupeiras usamos o serviço de e-mail gratuito do Yahoo!(sem exclamação, daqui por diante). Verdade seja dita, Bruno Guedes já usa o serviço há quase década, contabilizando dois e-mails; o antigo foi aposentado por questões de volume de spam e também de usabilidade — o e-mail era "garotoraposa"; não pergunte — para este novo e-mail que agora também está recebendo volume de spam considerável, sobretudo de herdeiros de fortunas africanas imaginários. Enfim, não uma, nem duas vezes já fomos compelidos a arranjar um GMail logo de uma vez, sem o problema de ter de recadastrar o email do Yahoo. Usa-se o redirecionamento e problema resolvido! Mas não é exatamente este o problema. Aliás, não existe nenhum empecilho de ordem técnica envolvido.

Por um lado, centralizamos todos os serviços web de uma vez no Google, incluindo usar o iGoogle ao invés do Meu Yahoo e etcéteras. O Google tem um anti-spam melhor(embora, sejamos francos, só nos últimos meses é que venho marcando os spams como "spam" de fato), um sistema de classificação interessante, integrado ao GTalk(que eu não uso, mas enfim), aceita anexos de tamanhos decentes e etcétera e etcétera... O problema não é de ordem técnica, como eu disse. A Google vai dominar o mundo, não é à-toa que dizem. Não, os problemas são mais de ordem pessoal. Vamos lá.

...Post Completo
Comentários: 6
Avatar: Bruno Guedes

A pergunta que nos pega cedo ou tarde...

Escrito por Bruno Guedes em 07/07/2008 02:12


Desculpem a demora, são as provas, e também um período de espera para ter certeza de que o sistema não vai aprontar de novo tão cedo. Estamos de volta com nossa programação normal.

Essas últimas semanas foram... interessantes. Várias coisas aconteceram, incluindo o maior flamewar da histórias dos blogs, uma nova lei que proíbe totalmente a combinação bebida + direção e, pelo visto, mais uma medida de segurança para a Internet feita por gente que não entende de Internet. É, foram tempos turbulentos. Mas houve algo que mexeu mais comigo de outra forma, e é a volta de Suelen Pessoa ao universo da Internet. Pelo menos temporariamente.

Foi desde o título que Suelen me fez pensar nesse site que vos fala. E no futuro. Porque, afinal, todos nós vamos para algum lugar, e a pergunta fundamental(não, não aquela) é Para onde estamos indo?

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Ah, caralhas...

Escrito por Bruno Guedes em 30/06/2008 01:38


Muito bem, voc�s j� perceberam que o blog est� completamente bisonho e etc�teras, e n�o, eu n�o fa�o id�ia do que seja isso. O problema � que essa � a �ltima semana de aulas, ou seja, n�o tinha hora pior pra isso acontecer.

Vamos ver no que d�. Para as gera��es futuras, em breve um screenshot...

UPDATE! Descobri que o problema pode ser facilmente resolvido com uma recodifica��o UTF-8. N�o que eu entenda o porqu�, visto que tudo era UTF-8 por padr�o... tem algo muito estranho por aqui...

UP-UPDATE! Resolvido, com uma linha de código, mais algumas várias horas de frustração. Aprendam, possíveis pré-calouros: Computação é uma amante ingrata. Vale a pena, mas é ingrata que só a peste...

Amanhã, retornaremos a nossa programação normal. Se não tivermos mais imprevistos, oui?


Comentários: 1
Avatar: Bruno Guedes

Eita, semana lesada...

Escrito por Bruno Guedes em 22/06/2008 18:15


Esta semana, conforme disse, foi a "Semana do Ócio Criativo", quando eu e toupeiras nos esforçamos ao mínimo para manter nossa promessa de "um post a cada dois dias, no mínimo". Até o momento nossas estatísticas estão a nosso favor, ou seja, sucesso!

Então, ao resumo da semana e, se eu estiver inspirado, da semana na Internet.


Relembrando, provas, trabalhos e exercícios valendo ponto extra preencheram esta semana. Foram nada menos do que três provas na quarta-feira, justo em dia de jogo no Mineirão – a propósito, qual jogo mesmo? –, que obviamente é um péssimo dia para voltar para casa depois das seis horas. Não obstante, tive muita sorte, porque as provas ou eram fáceis – por "fácil" entenda-se "não mortalmente impossível" –, ou eu precisava apenas de 0,7 pontos pra me ver livre da matéria, logo poderia direcionar meu esforço para outras matérias em estado mais crítico.

Em outra nota universitária, uma apresentação de trabalho: modelagem e solução do "Problema do Caixeiro Viajante Preguiçoso". Nunca ouviu falar? Pois é, é porque esse problema praticamente não existe. Etnretanto, conseguimos conquistar nosso público e desviar sua atenção de nosso modelo falho, nossa heurística estranhamente quase perfeita e o fato de que interpretamos metade do enunciado de forma incorreta com uma apresentação decidida. Em outras palavras, "quanto mais alto você fala, mais as pessoas tendem a achar que você sabe do que está falando".

...Post Completo
Comentários: 10
Avatar: Bruno Guedes

24 horas a mais ou a menos...

Escrito por Bruno Guedes em 16/06/2008 19:27


Como um exemplo de como não começar uma tradição, o resumo da semana e do fim de semana na vida de Bruno Guedes, Toupeiras e Token e na internet aparece essa semana com pelo menos 12 horas de atraso. Oh, vida...


Esta semana começou... bom, começou com provas e mais provas, mas também com a notícia impressinante de que, contrariando as expectativas deste autor, temos mais um leitor ilustre: Maristela Guedes, artista plástica, professora, universitária e mãe deste que vos fala. Como minha mãe descobriu o site, ainda não tenho certeza – suspeito que tenha sido pelo histórico do navegador –, mas isso significa que acabei de passar da era "nem minha mãe lê meu blog" para a nova era... seja lá como se chame.

No mais, no mais, a semana prossegue com mais trabalho, mais provas e um dia 12/6. O que, exatamente, houve no dia 12/6 de tão especial são assuntos particulares. "De alcova", por assim dizer...


Por motivos de prazo se esgotando e falta de tempo por motivos mútliplos – incluindo: eu tenho uma aula daqui a dez minutos – vamos deixar a lista do melhor da Internet da semana para mais tarde(confiram!). Por ora, nossas promessas para esta semana, e desta vez são poucas.

...Post Completo
Comentários: 2
Avatar: Bruno Guedes

Bruno Guedes: o Amante

Escrito por Bruno Guedes em 13/06/2008 14:28


Não, tecnicamente este não é o post comemorativo do dia 12 de Junho, até porque tal post não existe. Vamos com calma.

Se por um lado temos manifestações puras e simples de amor, por outro temos o backlash daqueles que se revoltam pela comercialização do dia. E de ainda outro lado, temos gente sendo tremendamente original com a data que lhes é oferecida. Pois bem, eu sou o quarto lado: o filósofo.

Em tempo: a respeito da comercialização do dia dos namorados... (quase) nada a declarar. Negócios são negócios, e marketeiros, assim como o conselheiro, comem. Fosse o dia no dia 14/2, como sugere Marmota, o clássico dia de São Valentim, também seria comercial. Fosse no dia 15/8, seria comercial. Vivemos numa sociedade que sobrevive de consumo – vai ser capitalista, aceite as consequências –, é simplesmente natural. Não odeie um dia pelo que fizeram com ele, assim como não se deve odiar a pólvora por ser usada como arma. Não é culpa dela...

...Post Completo
Comentários: 0

Desovando diretamente da campanha "Mande a sua Pergunta!", a primeira pergunta que foi a nós mandada será respondida com detales. De Isaias Malta:

Eis a minha pergunta bombástica: Os toupeiras são heterônimos?

Respondendo de forma ríspida: sim, Isaias, eles são. A placa de papelão também, ainda não tive ânimo pra criar meu token de verdade.

Convenhamos, toda piada parece óbvia ao seu contador, e não era menos óbvio para mim que eu, toupeiras e Token éramos uma entidade única. Até porque isso foi contado em um post de introdução. Mas não faz mal, vamos explicar tudo direitinho então.

Contando a história toda de novo, eu resolvi que ou eu especializava ou blog ou organizava essa bagunça direito. Meu blog antigo era uma zona e não tinha muita regularidade de assunto. Este também não, mas pelo menos eu facilitei para você, leitor, em um ponto: dividi o blog em autores.

...Post Completo
Comentários: 5
Avatar: Bruno Guedes

Tribulações do Fim de Semana

Escrito por Bruno Guedes em 08/06/2008 13:16


Bom dia, este é, talvez, o primeiro post de uma série. Uma série meio que retrospectiva, meio que "Posts estrelados" do Bruno Godoi e meio que "diário de adolescente". Me perdoem pela última "metade", mas eu tenho 19 aninhos, estou no direito, suponho.Enfim, vamos às notícias.


Sexta-feira, nada demais: viagem longa – como, mas como eu odeio a Atual! – e, fechando a noite, O Bebê de Rosemary. Não, eu nunca tinha assistido o filme, e gostei. Cinema clássico costuma me deixar feliz, ainda me lembro de quando assisti a O Homem-Elefante. Sublime...

No sábado, minha querida mãe resolveu adquirir um laptop – ou notebook, estranhamente nunca entendi a diferença entre os termos – para si e por conta disso meu dia foi cheio. Desde ajudar a escolher – um Positivo Mobile com um Celeron 540, 512M de RAM, 80G de HD e um Mandriva Linux – até realizar toda a instalação de coisas. Minha mãe é do tipo que precisa de ajuda para colocar números nas páginas, então quem sou eu pra sugerir que ela ficasse com o Linux...

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Bruno Guedes: o Laico

Escrito por Bruno Guedes em 06/06/2008 13:25


Bom dia, caros leitores do Bruno Guedes & Toupeiras. Hoje o assunto é sério, e por isso acho que devo algumas explicações.

A explicação mais importante é porque eu estou falando de assuntos "complicados", quando normalmente eu mandaria meu Editor-Toupeira encarregado Töpo Talpos escrever o post. Mas como já bem disse o Token, ele está em férias compulsórias de um ou dois meses porque, como eu disse anteriormente, não quero ficar vivendo de polêmica. Não curto polêmica, acho que só atrai comentário negativo e etcétera. Eu poderia ignorar sumariamente os comentários autotróficos, mas sinceramente já que a pessoa teve o pudor de vir até aqui e comentar, ela merece pelo menos uma resposta.

Mas, infelizmente, não se faz uma omelete sem quebrar alguns ovos, ordenhar uma vaca e matar um porco – eu gosto das minhas omeletes com queijo e presunto, se não se importam –, e se este blog é sobre Bruno Guedes e seus desvios de personalidade, uma hora as polêmicas aparecem, porque eu tenho opinião. E, vez em quando, eu me canso de guardar essa opinião pra mim mesmo, e tem que ir para algum lugar. E porque não para o lugar reservado para esse tipo de coisa?

...Post Completo
Comentários: 11
Avatar: Bruno Guedes

Spammers preferem Yahoo, diz Akismet

Escrito por Bruno Guedes em 28/05/2008 22:11


Olá, pessoas de todo o Brasil. E spammers de todo o mundo que vêm cá jogar seu lixo no meu blog, também, se vocês conseguirem ler isto.

Enfim, lembra-se do meu problema com (quase) todos os blogs do Worpress? Bom, eu até comecei a achar que era algum complô do Wordpress pra me forçar a parar de usar meu próprio sistema e migrar para o deles. Mas não, é pior. Vejam bem...

Cardoso se indignou com essa bizarrice e resolveu, então trombetear aos quatro ventos minha situação bisonha. Como ele é bem mais lido que eu, a galera se juntou em massa para opinar, e várias sugestões da causa do problema apareceram, até que...

Phil Souza em 27/05/2008 às 1:31 pm TODO email do yahoo o akismet sacaneia. Pelo menos o meu blog. Se o email dele for yahoo tem bastante chance...

Eureka, Phil! Meu e-mail do Yahoo! Foi batata: fui no blog do Pedrassini Pedrasssani (é cada nome...) e mandei o comentário com um email do gmail(falso, eu não tenho email do gmail) e voi la! O email foi pra moderação ao invés do spam.

...Post Completo
Comentários: 8

Okay, ainda não aconteceu comigo, mas vai acontecer. Na verdade, o fenômeno colateral já aconteceu. Deixa eu ir direto pro assunto: é aquele povo que implora por link.

Veja bem: o sujeito vem no meu blog e deixa o típico comentário "adorei seu blog". Até aí tudo bem, isso normalmente é sinal de que as coisas estão indo bem. Mas aí vem os apêndices...

"Visite meu site, é www.qualquercoisa.com"

Sim, o sujeito vem ao meu site e pede que eu visite o dele. Já começamos mal, porque isso é totalmente indesejável. Por alguns motivos.

O primeiro e principal é que existe um campo para você colocar seu site no formulário de contato. É que você deveria apresentar seu link. Quem quiser entra, quem não quiser, não. Ser intrusivo, ao contrário do que muita gente acredita, não vai melhorar a fama do seu site. Fim de papo.

Pior ainda se o sujeito te manda um link quebrado ou o site nem tem nada. Típico webmaster que quer que as visitas apareçam por mágica. E já presenciei, sim. Paciência...

...Post Completo
Comentários: 14
Avatar: Bruno Guedes

Script se rebela no PbBlog...

Escrito por Bruno Guedes em 25/05/2008 14:46


Okay, vamos começar...

Como vocês sabem, programei toda essa interface sozinho, do zero, para funcionar como um sistema de blogagem. Tava indo tudo bem, até que aconteceu algo.

O pessoal da WebPousada resolveu, finalmente, atualizar para o PHP5. E aí a desgraça começou.

O que aconteceu quando dessa atualização e eu fiquei sabendo da pior maneira possível – i.e., ocorreu um erro –, é que o PHP5 realiza uma coisa estranha, uma "validação de UTF-8" nas expressões regulares, o que causa um efeito colateral interessante de, quando o script tenta traduzir os nomes com acentos dos títulos dos posts e algumas tags para versões válidas para as URLs, ele simplesmente retorna um nada e um erro. Tudo bem que eu não entendo como é que um UTF-8 gerado pelo computador, e não, digamos, por mim, pode estar inválido de alguma forma, mas paciência...

Agora eu não sei como vai ser, porque eu ter que ficar atualizando os permalinks na mão no banco de dados é possível, mas o problema é que os links da seção "Posts por Tag" não funcionam mais, pelo menos para aquelas com acentos.

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Mas eu não sou spammer...

Escrito por Bruno Guedes em 22/05/2008 22:33


A autmoação e os scripts são parte fundamental de um bom serviço web. Blogs, fóruns, sites de relacionamento, lojas virtuais... todas tem seus scripts e dispositivos automáticos que cuidam para que tudo funcione perfeitamente bem. Na medida do possível é claro.

A parte estranha, entretanto, é que scripts autmáticos trabalham de forma hermética, ou seja, você, usuário, normalmente não faz idéia do que está acontecendo lá dentro. Às vezes nem se sabe o que está entrando no script – via campos tipo hidden, entre outras coisas –, quanto mais o que está sendo feito com os dados de entrada. E nem anos e anos de testes podem revelar um bug que acontece uma vez a cada milhão de entradas...

Por exemplo, de uns tempos pra cá os blogs do Wordpress andam me barrando nos comentários. Não todos, eu devo dizer, mas alguns. Por exemplo, os do Kid, do Karlisson e do Cardoso. Acontece basicamente a mesma coisa: eu comento, a página atualiza, o comentário vai, e eu fico a ver navios, porque o comentário ainda não apareceu. E, levando em conta que já passam meses que eu comentava sem mais problemas, eu me pergunto: "Mas quê?"

...Post Completo
Comentários: 8
Avatar: Bruno Guedes

Misantropia

Escrito por Bruno Guedes em 14/05/2008 18:27


"Misantropia". É uma das muitas palavras das quais gosto porque tem um som... agradável. É arbitrário e subjetivo, esse sentimento de identificação com uma palavra. Filologia é uma das várias ciências que me agradam, mas não o bastante para me devotar a.

Mas voltemos à misantropia. Define-se, no literal, como um sentimento de ódio pela humanidade como um todo, pela espécie humana sem distinção. Parece um sentimento horrível, mas assim como muitas outras palavras, na realidade denota muito menos do que parece ser. Na prática, a misantropia não passa de um sentimento geral de que a humanidade pegoua curva errada em Albuquerque e caminha, inevitavelmente, para sua destruição.

E a razão pela qual não é Korso, filólogo e literado de plantão, que está tomando este post, é porque não vim para falar de misantropia. Vim para falar da minha misantropia.

Porque de repente, um dia, eu comecei a pensar que, sinceramente, talvez o mundo estivesse melhor se a sociedade como conhecemos nunca existisse. Em resumo, a humanidade chegou a tal ponto que mesmo que se Deus estivesse vivo, talvez não desse jeito. (AVISO: apenas uma referência a Nietzche. Este autor reserva-se no direito de não se pronunciar a respeito de qualquer assunto de cunho religioso). E que lugar mais ideal para perceber isto do que a Internet? Acho que nenhum... não existe outro lugar onde tanta gente idiota se reúna para propagar a merda inadvertidamente. Okay, temos o Axé Brasil, o Carnaval... mas nem tais eventos ápices da política do panis et circensis conseguem reunir tanta gente junta. Estou falando de gente imbecil na casa dos milhões, gente. Não é brincadeira, é só dar uma voltinha pelo orkut.

...Post Completo
Comentários: 6
Avatar: Bruno Guedes

Curtas da Segundona

Escrito por Bruno Guedes em 12/05/2008 11:51


Bom dia, meus caros! Segunda feira, dia 12, como ontem não teve post, hoje tem. E como minhas toupeiras estão todas ocupadas – TP trabalhando no curso de programação, Korso nos Estilos Internéticos e o Töpo em mais uma polêmica de marca maior – eu é quem posto hoje. Então, sem mais firulas...


Não teve post de dia das Mães. Shame on me. Mas deixa eu te dizer o que é que há...

Já mencionei no outro blog(que será desativado dentro em pouco) que nada que se diga tem o devido valor quando perto de um fato tão imensamente importante quanto este: essa mulher te deu a vida. Sim, a sua vida. Você não estaria vivo sem ela – e seu pai, mas calma –, e se você não pediu pra nascer... cresça, faça favor.

Por causa disso eu sempre tenho problemas pra comprar presentes. Nunca consigo pensar em algo que seja bom o bastante e caiba no meu orçamento pessoal(dinheiro, amigos, é solução e problema). Mas um abraço já é metade do caminho.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Quando você acha que não...

Escrito por Bruno Guedes em 10/05/2008 15:09


Olha, eu pensei em muitas coisas in advance quando programei este blog. Uma das coisas em que pensei com muito carinho foi fazer os comentários ser facilmente formatados do mesmo modo como escrevo os posts, usando um "pseudo-wiki markup", onde, por exemplo, dois apóstrofes denotam destaque e três denotam negrito, e diversos atalhos para tags HTML via colchetes duplos(alguma dia eu publico o manual de instruções aqui, calma).

Entretanto, uma das peculiaridades do sistema sobre o qual modelamos este editor – o PmWiki – é que parágrafos são denotados por duas quebras de linha, e uma quebra de linha é ignorada. Isto tem a finalidade de que marcações muito grades(normalmente as de link ou imagem) possam ser colocadas em uma linha separada, e também ajuda na legibilidade do código.

Porém o que eu não imaginava era que alguém não iria acatar a esse modelo tão rapidamente. Agora sei que isso pode acontecer com uma grande frequência, ou seja, é hora de mudar esse negócio...

...Post Completo
Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Divagações Anuais

Escrito por Bruno Guedes em 08/05/2008 20:55


No dia 8 de maio de 1989, um pequeno bebê do sexo masculino, de olhos claros e cabelos ruivos e espetadinhos – vai, pode dizer "Ah.... que coisa fofa!" – nasceu às 5:55 da tarde. 19 anos depois, essa coisa fofa se cresceu e se tornou Bruno Guedes. Sim, aparentemente eu sofri uma metamorfose ao contrário...

Enfim, sim, hoje é meu aniversário, e há diversas coisas a comentar, visto que não vou deixar a data passar em branco, embora talvez gostasse. Isso, provavelmente, atrairia a atenção do Token, e não sei que estripulia ele poderia aprontar. Então comecemos.


Primeiro, eu acho que meu aniversário, assim como o Ano Novo, é uma comemoração no mínimo sem sentido. Sim, passa-se mais um ano desde meu nascimento – fato rápido: parto por cesariana; todos nós três nascemos assim –, mas se vamos comemorar os anos, porque não os meses? Não sei.

Mas se as pessoas querem me parabenizar por aguentar mais um ano nesse mundo que, convenhamos, não é nenhum Éden, então vamos nessa. Muito obrigado a todos!


Hoje é aquele dia em que as pessoas resolvem me apreciar pelo fato especial de eu estar completando 19 anos vivo, e rumo aos 20.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Eu e meus assuntos...

Escrito por Bruno Guedes em 07/05/2008 17:36


Bom dias amigos, hoje é mais um dia de considerações a respeito de mim, minha vida e meu blog. Se tudo correr como planejado, vamos ter vários desses. Porque de alguma forma eu esqueci um aspecto deste blog.

Pois bem, o objetivo de ter um blog multi-autorado era dividir os tópicos entre nós cinco(quatro e meio, que seja) e deixar a coisa mais organizada, mas com a mesma bagunça de sempre. Lindo. Só que desenvolvendo o espaço pras toupeiras eu esqueci do meu espaço nessa coisa toda.

Então tá, vamos ter muito tempo pra falar do que há de mais diverso na vida de Bruno Guedes. Nós só ainda estamos tentando descobrir exatamente o quê.

Ademais, Notei que nossa Toupeira Profissional tem alguns vários textos a serem escritos e publicados, e ele tem o dever de continuar o curso de programação. Então eu vou ver se ele apressa esse negócio.

E no mais, na paz. Continuem esperando a "meia atualização por dia" e todo mundo fica feliz. Certo?

...Post Completo
Comentários: 5
Avatar: Bruno Guedes

Curtas II - Um conselho de amigo

Escrito por Bruno Guedes em 05/05/2008 12:27


O conselho é: se for trabalhar na área, aprenda desde já que Computação não é uma ciência exata na prática. É pior que Física, pelo menos na Física você pode botar uma constante multiplicando que tudo dá certo, mas em CC não. As coisas dão errado e, se você der sorte, a causa real do problema é foda de encontrar. Na maioria dos casos é impossível e você tem que arranjar um jeito de eliminar o problema da maneira mais comummente adotada: gambiarra.

Acredita não? Lembra quando eu disse que o "eliminador de acentos"(que eu chamo carinhosamente de "Parser") que cria os permalinks pros meus artigos se rebelou? Pois bem, está funcionando maravilhosamente bem, agora. Bruxaria? Não, pior: computação!


Muito bem, depois de passar o feriadão por conta de aproveitar as features do meu Supercard DS, que é basicamente um mini-SO pro nintendo DS(mas mini-SO mesmo é o DSLinux), estamos de volta à nossa programação normal. Consegui efetivamente cumprir minhas promessas(resenha de um jogo e um filme em uma semana), criei um meme(que ainda não teve aplicantes...) e aparentemente a recepção do público parece boa. O que eu não sei é como o pessoal do servidor está deixando passar mais de 50MB de banda excedente. Por via das dúvidas, daqui pra frente vou botar minhas ilustrações em algum outro lugar...

...Post Completo
Comentários: 2
Avatar: Bruno Guedes

Posso voltar a descansar?

Escrito por Bruno Guedes em 02/05/2008 21:33


Fato Rápido: todo mundo um dia descansa. Até bloguistas.

Embora eu escreva puramente por prazer, visto que nem sequer o Google me paga pra tanto, meu prazer não é puramente escrever. Existe um monte de coisas que eu adoro fazer e a grande maioria dela não envolve este blog em nenhuma maneira.

Pois bem, neste feriado prolongado(aliás, odeio feriados prolongados por razões que não cabem aqui; vou deixar pra outro texto), estou aproveitando para fazer algo que não faço desde as férias de meio de ano passado: jogar videogame até a bateria acabar, a minha e a dele. E agora estou dando uma folga pra ele.

Pois bem, acho que esta será a única notícia de mim e toupeiras nesse final de semana, visto que vou passar o resto dos dias de feriado... descansando. Semana que vem a dureza retornar, e os textos também. Prometo. Só me deixem em paz esse fim de semana, oui? Obrigado...

(Sem bem que esta é a única vantagem de ter um público imensamente pequeno; você some e o mundo não acaba...)


Comentários: 3
Avatar: Bruno Guedes

Meme: Vida, Filosofia e Aimee Mann

Escrito por Bruno Guedes em 30/04/2008 19:54


Muito bem, caros amigos, cansado de não fazer nada, tentando inovar e simplesmente com um leve bloqueio mental causado por overdose de Nintendo DS, resolvi iniciar um meme. Um meme que, se tiver sucesso, será replicado por – pasmem! – três pessoas, imagino.

Enfim, a pergunta fundamental é:

Se você pudesse definir a vida como uma música, qual seria?

Minha resposta é: It's Not, da linda cantora Aimee Mann. Acho que principalmente um trecho em especial, mas vamos por partes. A letra:

I keep going round and round on the same old circuit
A wire travles underground to a vacant lot
Where something I can't see interrupts the current
And shrinks the picture down to a tiny dot
And from behind the screen, it can look so perfect
But it's not

Nossa visão de vida: ela é certa? Ela é suficiente? Ela efetivamente funciona? Não sabemos, mas temos que nos contentar com ela. Enquanto isso, vivemos e tentamos achar uma visão que seja, de fato, perfeita.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Não à ditadura! Pelo menos aqui...

Escrito por Bruno Guedes em 30/04/2008 12:58


Sou imensamente à favor da liberdade de expressão, assim como sou à favor da anarquia. Explico a anarquia depois, embora devesse fazê-lo antes, pois este post ficaria menor. Enfim, vamos falar da liberdade de expressão e o que ela tem a ver com este site, vamos?

Liberdade de expressão é a garantia de que o indivíduo pode dizer o que bem deseja sem que hajam medidas para impedir ou reprimir sua expressão. Na prática, sabemos que a liberdade não é total, mas pasmem, existe um local onde a liberdade de expressão se aproxima de seu máximo. Esse lugar chama-se Internet.

Potencialmente, com a facilitação do acesso ao público geral à maravilha da Internet, qualquer um pode dizer o que bem quiser e nada pode ser feito para impedir. Bem, pode. Existe uma ferramenta básica chamada de moderação, que pode impedir que certos comentários sejam proferidos. Mas, entretanto, porém, contudo, todavia, chamá-la de instrumento da repressão é um exagero enorme. A moderação tem um propósito benigno, acredite ou não. Trata-se de manter a integridade e a boa imagem de um site. Afinal, por mais que a liberdade seja boa, é muito, mas muito ruim ter seu site floodado por links em geral. Por exmplo., ultimamente, embora vocês não saibam, algum bot indiano anda enchendo um post totalmente inócuo de links e mais links, e mais links. Infernal.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Meme: 8 Tarefas

Escrito por Bruno Guedes em 25/04/2008 13:40


Livinha, do ELA me convidou para um meme. "Meme". Que seja.

O meme é basicamente:

- Listas as regras (Feito!)
- Listar 8 coisas que gostaria de fazer antes de morrer
- Convidar mais gente

Então vamos...

1) Ter pelo menos uma filha
2) Publicar um livro
3) Programar um software que seja realmente útil
4) Programar uma série de jogos
5) Ser um formador de opiniões
6) Publicar uma HQ com pelo menos 12 capítulos
7) Descobrir, afinal, se existe algum sentido na existência(até o momento, creio que não)
8) Conhecer a Austrália, a Ucrânia, a Rússia e o Japão; pessoalmente

Como vêem, minha lista varia bastante entre o filosófico, o complexo e o puramente simples. Porque, afinal, eu sou uma pessoa simples. :D

Comentários do autor sob demanda. Convido todos os leitores interessados e com blogs a participar e me noticiar a respeito; vocês já sabem que eu sou contra forçar a propagação de memes...


Comentários: 1

Pois bem, pois bem. Nunca, jamais afirmei fazer bloguismo por dinheiro. Nunca tive pretensão real de ganhar dinheiro que valha a pena com blog. Não tenho cara de dizer que algum dia eu vá realmente ganhar uns 100$ do nosso querido AdSense...

Mas a coisa tá realmente crítica. Levando em conta o meu histórico de visitações, a falta total de comentários em 80% dos posts e também o fato de que minha banda talvez não aguentaria tanta visita quanto seria necessário, estou realmente saindo fora desse sonho, por partes.

AdSense fica. O resto sai. E o resto, vocês devem saber, se resume ao esquema do Interney Shop. Porque, convenhamos, essa coisa não está tendo popularidade nenhuma.

Além disso, o blog fica mais limpo, e acho que as pessoas gostam disso. Qual o quê, eu prefiro assim! Vide o Kid. Só não vou desistir de uns trocados de quando em quando, então vou deixar umas coisas no rodapé, uma linha de links ou duas...

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Curtas 1 - Feriadão, Memes e Blog

Escrito por Bruno Guedes em 22/04/2008 17:29


Bom dia/tarde/noite, "caros leitores". Estamos de volta, eu e toupeiras, para mais uma temporada de textos, crônicas, notícias, resenhas e afins deste blog. Este fim de semana foi dedicado ao aniversário de 80 anos de meu querido avô, por isso fomos intimados a comparecer pelos três dias. Nada contra, mas a faculdade está tentando me matar cada vez com mais força, e ter menos dias pra fazer trabalho não ajuda em nada. Nada, eu disse.

Enfim, espero que o Token não tenha sido problema(aliás, pelo visto, ele não anda sendo tão popular quanto eu achei que fosse ser), e agora, às novas do feriadão e talvez algumas pŕevias!


O feriado em si não foi exatamente espetacular. Devo dizer que foi bom, ótimo até, passar esses três dias no Hotel Fazenda Pesque & Paz(ou algo assim, o nome exato me falha). Primeiro dia, nada demais, só família reunida, bebendo, fazendo besteira depois de bêbado, essas coisas. Quase não dormi graças ao conjunto sem noção formado por vários primos e meu pai, todos devidamente inebriados. Sem contar as serenatas clandestinas... só rindo.

...Post Completo
Comentários: 0

Okay, embora não tenha sido tão over the top, a galera da Google tomou providências a respeito de como e onde a galera coloca os anúncios.

O blog oficial "Por Dentro do AdSense" publicou um artigo a respeito da posição dos anúncios na página. Segundo o pessoal do AdSense, anúncio entre o título e o conteúdo do site agora é mau negócio.

O argumento é plausível: enganar o visitante com anúncios que parecem conteúdo não é legal. De repente um visitante regular em potencial pode criar antipatia por uma coisa dessas. Verdade seja dita, todos sabemos que salsas só clicam, não lêem. Então, a minha razão para acatar à decisão do AdSense é outra.

Já disse, creio, que não coloco anúncios no meio do texto. Acho imensamente intrusivo, é como aquelas barrinhas que aparecem embaixo da tela em alguns programas de televisão(mais comum em TV a cabo), anunciando coisas que você provavelmente não quer assistir. Embora não roube espaço, nem prejudique (tanto) a visualização do conteúdo, é, em palavras simples, chato.

...Post Completo
Comentários: 4
Avatar: Bruno Guedes

Quem diria, salsinhas não são mitos...

Escrito por Bruno Guedes em 13/04/2008 20:33


Mas claro, como tudo na minha vida, o ataque de salsinha foi incrivelmente mais deprimente, no meu caso. Vejamos como se deu...

No meu antigo blog, escrevi um texto que chamei de "Mitos da Humanidade Contemporânea I". Claro, faria parte de uma série de retóricas a fatos do senso comum expressos como se fossem verdade pura e verdadeira, quando eu pessoalmente acho que não são. Alguns até não são mesmo. Enfim...

Aí, um sujeito que não sei quem é ou de onde veio, visto que não deixou sequer nome, me deixa o tal comentário:

Chegou a internet e chegou a possibilidade de mais e mais informação, mas, tambem, chegou a possibilidade de qualquer pessoas escrever mais e mais besteiras. Não deveria nem dizer nada mas como mais pessoas podem chegar por engano a esta pagina,fica o comentario de alguem que não diz apenas o que lhe apetece, mas que possuindo algum conhecimento das coisas diz: primeiro aprende o que é um mito, segundo, informa-te em várias áreas do que estas dizendo, terceiro, se achas que a biologia é a explicação de tudo, então talvez as besteiras que dizes te façam sentido.
...Post Completo
Comentários: 2

Pois então, a nossa antiga promessa de um post a cada dois dias. Ótima. Não vou desvirtuar, um post pra dois dias é sensacional. Beleza belezinha.

Entrementes, o ritmo de trabalho anterior é que não dá mais pra segurar. Início de semestre é uma maravilha, mas vai chegando no meio e a famosa "Semana da Morte", fenômeno também conhecido pelo lacônico nome de "Lama", se aproxima. E praticamente todas as esperanças morrem.

Se, por um lado, você se mata de estudar e tira boas notas, por outro se não estudar se ferra. De um modo ou de outro é inevitável que alguma hora você se toque que não, não dá tempo pra fazer tudo o que se gostaria de fazer. Êta vida...

Enfim, vamos usar ao máximo o prazo estipulado de dois dias por post. Aproveitamos pra melhorar os textos, se preciso, ou pelo menos para manter a qualidade. Afinal, dois dias, mesmo dois dias de universitário da Ciência da Computação, é tempo suficiente para uma boa revisão. Na pior das hipóteses, mando o Token nos retratar.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Que chovam comentários!

Escrito por Bruno Guedes em 04/04/2008 17:47


O-k, acho que já mencionei, mas não custa mencionar de novo: comentários são imensamente importantes pra esse serviço de bloguismo. Por razões múltiplas.

Mas a mais importante está, sem dúvida, no próprio propósito e origem dos blogs. Trata-se de um meio de comunicação de duas vias. Duas. Diferente da chamada "mídia tradicional", o feedback é fundamental. Mas isso muita gente já disse. Deixa eu ser bem direto.

Comente, caralha!

Falando sério, por favor comente. Não deixe o CAPTCHA te assustar, ele é só por medida de segurança. Se seu comentário não chegou, calma, ele está em moderação. "Por quê meu comentário perfeitamente honesto está em moderação, Bruno Guedes?!". Bom, deixa eu explicar as razões...

1) É o seu primeiro comentário: até que algum comentário seu tenha sido aceito, seu comentário será moderado. Porque se você for um spammer, não adianta tentar quantas vezes quiser, seu comentário vai ficar retido. Se você não for, é só aguardar, e acredito que nunca mais á acontecer. A não ser que você se encaixe nas outras categorias...

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Ah, a natureza...

Escrito por Bruno Guedes em 01/04/2008 12:58


Eu nem preciso fazer um post de 1o de Abril. A própria natureza em si própria tem suas próprias brincadeiras! Vejamos...

Botânica: A maior flor do mundo, a raflésia, cheira a carne podre. Por sua vez, a maior inflorescência, a Amorphophallus titanum, cheira a cadáver. Ironia? Não, uma piada titânica!

Ornitorrinco: a piada interna da natureza Zoologia: O ornitorrinco. Sem mais comentários.

Anatomia: Se o apêndice humano não é suficiente, o famoso "ponto cego" do nosso olho deve servir. Digo: pra que serve um órgão de visão com um maldito ponto cego ?!

Psicologia: O cérebro humano em si é alta e rideculamente enganável, mas o impulso de sobressalto aquela maldita sensação de queda sentida nas proximidades do sono, ganha.

...Post Completo
Comentários: 0

Okays, desculpem-me, mas vou falar do blog de novo. Tá bom?

Então tá, há mais ou menos uma semana o Cardoso nos apresentou um programa de afiliados "do bom". O programa do Interney é, definitivamente ótimo. Por quê? Simples, porque paga mais.

Deixe-me ser menos óbvio. A maioria dos programas de afiliados provê comissões horrivelmente pequenas. Não compensa a poluição visual. Entrementes, interney nos oferece 15% de comissão, mais um sistema de comissão multinível. Em termos básicos, você ganha 15% das vendas feitas pelos seus anúncios, mais 5% das vendas feitas pelos anúncios de quem você convidar, mais 3% de quem as pessoas que você convidar convidarem e mais 2% do próximo nível. E pára por aí. É, em parte, um esquema de pirâmide, mas um que não precisa piramidar. Afinal, sozinho você já ganha alguma coisa.

Entrementes, devido a falhas no meu navegador, perdi a chance de me tornar aprendiz do grande Pioneiro ProBlogger. Ainda assim, não custa tentar. Mas, note, os anúncios não estão lá ainda! Verdade seja dita, estou decidindo onde colocá-los, visto que os banners são de uma poluiçao visual imensa – note-se, pra mim qualquer coisa que não seja somente texto e não seja parte do site original já polui horrores. Além, são estáticos, ou seja, você anuncia um banner por vez. Meu plano é criar um script simples para rotacionar os banners e tornar a coisa menos repetitiva.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Meme? Nem tanto...

Escrito por Bruno Guedes em 29/03/2008 13:55


A febre de sempre, o meme! Pode contar: todo e qualquer blog com mais de dois meses de vida com pelo menos umas 30 visitas(e um autor que saiba fazer um SEO pelo menos decente) já participou de um meme. É aquela coisa básica de um autor em algum lugar cavar um assunto, inventar uma tarefa simples("digite a terceira frase na página 125 do livro mais próximo") ou coisa do tipo e convidar mais bloggers pra participar da brincadeira. É, um meme.

Só que não é um meme.

Parece que alguma coisa se subverteu no meio do caminho entre conceito e coisa, e não estamos ligando a coisa com o conceito direito. "Meme", segundo nossa querida Wikipédia, é:

(...) termo cunhado em 1976 por Richard Dawkins no seu bestseller controverso O Gene Egoísta, é para a memória o análogo do gene na genética, a sua unidade mínima. É considerado como uma unidade de informação que se multiplica de cérebro em cérebro, ou entre locais onde a informação é armazenada (como livros) e outros locais de armazenamento ou cérebros. No que respeita à sua funcionalidade, o meme é considerado uma unidade de evolução cultural que pode de alguma forma autopropagar-se.
...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Politicamente Corretos: Eat my shorts!

Escrito por Bruno Guedes em 25/03/2008 17:44


Okay, não vou ser radical. Ética e etiqueta sempre é bom — aliás, acho que as duas palavras têm alguma ligação... ham... —, e eu odiaria viver num mundo repleto de porcos insensíveis pra tudo que é lado. Mas vou beirar o "Töpo style of life" quando digo que, venhamos e convenhamos, frescura tem limite.

Eu sei, eu sei, é extremamente desconfortável ouvir uma piada de negro/homossexual/judeu/árabe/japonês/turco-libanês/loira/papagaio e, o que é pior, sentir graça. Quando se tem um certo mínimo de corretez política, soa péssimo. Só mesmo em círculos fechados, e com a famosa prerrogativa "não sou preconceituoso, não tenho nada contra, mas eu ouvi essa piada um dia...". Saudável, ajuda as pessoas a terem uma convivência minimamente amigável, afinal o ser humano é um ser sociável, mesmo que eu simplesmente não seja. Mas, voltando ao assunto, frescura tem limite.

Em mais um de seus quadrinhos geniais, Karlisson, AKA Nerdson, faz uma piada genial com uma linguagem que merece ser chamada de esotérica, a Whitespace. Visitem o post para mais informações, esta não é a hora nem o local. O que é mais importante é o que estava — estava, ele preferiu voltar atrás antes que desse mais problemas — escrito logo no primeiro quadrinho:

...Post Completo
Comentários: 2
Avatar: Bruno Guedes

Conteúdo Inédito... como assim, Edney?

Escrito por Bruno Guedes em 19/03/2008 17:35


É. Notícias voam. Fui saber sobre a tal Blogagem Inédita com uma semana de atraso(já passaram dois dias do prazo final, aliás) hoje seguindo o link via um ótimo texto do Alessandro Martins do Quero Ter Um Blog!. Mais informações, usem os links, não posso perder tempo!

A campanha do Edney vai de encontro ao comentário mais clichê a respeito da (urk) blogosfera: "a blogosfera só fala da blogosfera". Quanta "blogosfera" junta, caraca! Enfim, o comentário é válido, e tem seu fundo de verdade: 90% dos blogs, em algum momento, falam de blogs. Alguns se dedicam mais ao assunto, outros tem apenas um post ocasional, e outros, como este site que vos fala, abordam o assunto entre outras coisas.

Mas eis a questão: isso é uma coisa ruim? A Internet nasceu como uma maneira de circular a informação via conexões, o conceito de hyperlink é a maior sacada da Internet, o Google funciona graças ao sistema de links e pagerank... em outras palavras, a Internet funciona em torno de links e referências. Se você exige — como fez o Edney — que um bloguista escreva sem fazer referência a nada que não esteja ligado à atualidade(incluindo blogs e "mídia tradicional"), o que temos?

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Como assim não estou no Google?!

Escrito por Bruno Guedes em 18/03/2008 13:56


É. Verdade pura. Notei que o Google não faz um índice de páginas com argumentos GET ou POST muito bom. E há o pequeno detalhe de que meu site funciona todo baseado em PHP e argumentos GET.

A razão inicial é até bem nobre... veja bem, para cada post escrito, teria de ser criada uma página index.php ou index.html na pasta blog.guedesav.blog.br/post/titulo-do-post. Assim funciona, basicamente, o esquema de perma-links do Worpress e Blogger. [[update: Ou assim eu supunha...]]

Entrementes, cada paina ocupa espaço em disco. Eu, por exemplo, tenho disponível apenas 100MB. Uma cópia do post "Introdução Parte 3: O Blog" ocupa 20K. faça as contas(não, não vou te obrigar a isso, não se preocupe) e com 5000 posts, lá se vai minha quota. Claro, os posts não tem imagens. Quando eu começar a inserir imagens, o número cai...

Mas visto que o Google, o mecanismo de busca quase padrão e exemplo no mundo, não me indexa, vou ter que começar a tomar uma atitude drástica de criar permalinks na maneira clássica, isto é, criando e removendo arquivo... oh, vida...

...Post Completo
Comentários: 11
Avatar: Bruno Guedes

Trackback, meu nêmesis!

Escrito por Bruno Guedes em 18/03/2008 13:16


TRackback é uma ferramenta engenhosa e útil. Não, de verdade! Imagine: você faz um link para um post de um blog que te inspirou. Aí, como mágica, o autor do blog recebe uma mensagem avisando que você fez o link. Melhor: no blog inspirador, há uma lista de links para textos que apontam para o post, e você está lá! Maravilhas da tecnologia...

A questão é que ferramentas de bloguismo no mercado(Wordpress, por exemplo) já têm esse recurso embutido. Outras(Blogger, por exmeplo) não. E, claro, uma solução home-made(PbBlog, por exemplo) não teria. A não ser, claro, que seu autor fizesse.

Bom, eu fiz. Só que me deparei com outro problema: o maldito do pingback não funciona se não tiver um PHP 5, visto que envolve requisições XML e etcéteras que interessam mais a quem entende do assunto. A questão é que o servidor aqui usa PHP 4.4. E, se conheço servidores de hospedagem, um upgrade só vai ocorrer quando estivermos no PHP 5.5 ou superior...

A solução: por ora estou usando um método manual. É, eu mesmo posto comentários no blog dos outros. Infelizmente, com o tamanho e o estilo do nome do atuor(basicamente "Nome do Blog - Título do Post") meu comentário não passa por moderação muito facilmente(em verdade, foi barrado umas duas vezes, já, acho).

...Post Completo
Comentários: 0

Eis exatamente o problema mor de qualquer blog recente: falta de público.

Por exemplo, meu público se resume a mim, alguns proxys e o crawler do Google. Uau!

Claro, o problema básico não é só a falta de público. Não é a atenção que eu procuro. Como escritor, criador e agregador de conteúdo e talvez até formador de opinião — ok, paramos por aqui, não quero parecer prepotente —, algo é definitivamente necessário ao meu trabalho e evolução: feedback.

Ter feedback é essencial no exercício da profissão de bloguista, mesmo que bloguismo amador. Como saber o que dá certo e o que não dá se não tenho leitores pra me dizer? Eu, pessoalmente, acho que tudo(ok, quase tudo) está lindo, mas como saber com certeza? Exatamente, não dá. Logo, preciso de público, ou a coisa vai estagnar a olhos vistos...

Eis a grande questão: como conseguir um público mínimo em tempo igualmente mínimo? Não é fácil publicar, é óbvio. Se fosse, todo mundo seria famoso, e sabemos, não é bem esse o caso... Então, o que fazer? Há alguns caminhos básicos, cada qual com seu grau de dificuldade, probabilidade e comodidade.

...Post Completo
Comentários: 3

Então você, internauta pessoa que usa a Internet, encontra um blog e gosta dele. Adora-o. Começa a ler os arquivos e se apaixona pelo autor e sua proporiedade de expressão. É tudo tão ótimo! Quando você termina de chafurdar pelos arquivos, você obviamente chega ao último post. E você então está se perguntando: "caraca, quando será que ele vai escrever de novo?"

É, este é o problema. Autores de blog são, por natureza, seres humanos. Não importa se ele prometeu em nome da mãe morta que atualizaria todos os dias, não há garantia real, e com a distância enorme entre usuários e todas as consequências da nossa "querida" neutralidade da rede, o autor pode e, muito provavelmente irá, não ter um post pronto a cada 24 horas. E agora? Ficar plantado na frente do PC apertando F5? Perder o sono? Colocar o blog na sua página inicial?

Não. Assinar o feed.

"Mas o que é um feed, caramba?!", você, internauta inculto e interessado me pergunta. É simples: imagine que existe um programa que tem uma lista de sites que você lê. Esse programa, a cada... 15 minutos, por exemplo, acessa o site que você quer saber se atualizou e, se encontrar alguma cosia nova, atualiza uma lista que contém os tópicos daquele site, inserindo lá o mais novo. Então, sem precisar acessar os n sites que você quer acompanhar(e, no caso de pessoas muito antenadas ou viciadas em internet, mesmo, esse número n pode ser um valor astronômico), você fica sabendo se há algo novo, e o que é.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Introdução, Parte 3: O Blog

Escrito por Bruno Guedes em 13/03/2008 23:12


Terminamos hoje o post de introdução em três partes. A partir de hoje, divirtam-se com o blog. Se possível.

Finalmente, o que (suponho) todos mais esperavam! O que é este blog, sobre o que ele fala, e o que devo esperar dele?

Novamente, respondendo à pergunta mais fácil primeiro: nada. Não espere nada, e a surpresa será muito melhor.

Enfim, o blog é um mecanismo de páginas PHP, integrada a um banco de dados MySQL, onde a maioria dos dados se encontra. Em outrar palavras, é um site bem engenhoso criado pelo nosso querido autor Bruno Guedes.

Mas além, o site está em algum lugar, correto? Bom, este em particular está no WebPousada, um serviço de hospedagem daqui de Belo Horizonte, e que até o momento tem se provado bom. Fora algumas quedas no meio da tarde, de pouco mais de uns dois minutos, o site está saudável e passa bem. O serviço de hospedagem atual nos dá direito a 100MB de arquivos(muito mais do que precisamos só para o site) e 1GB de banda. Esperamos que não fiquemos muito populares de um mês pro outro, ou isso pode dar um sério problema...

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Introdução, Parte 2: Toupeiras

Escrito por Bruno Guedes em 12/03/2008 18:31


Seguindo o programa previsto, a segunda parte da introdução em três partes

Explicamos para você, querido leitor, quem cargas d'água é Bruno Guedes. Agora explicaremos o que diabos toupeiras fazem em um blog.

A resposta é óbiva: publicam.

Piadas à parte, o autor, em mais uma idéia louca demais para não dar certo, resolveu fragmentar o grande campo de conteúdo do blog anterior – que, todos sabemos, colapsou sobre si mesmo por falta de organização e saco pra aguentar a interface Javalística do Blogger, sem contar a péssima compatibilidade com Opera. A diferença é que, ao invés de dividir o conteúdo em blogs/sites diferentes, ele resolveu dividi-lo por autor. Pior, resolveu dividir a própria mente em compartimentos autorais, cada qual com nome e personalidade próprias. É, isso mesmo, você ouviu direito:

compartimentos autorais, cada qual com nome e personalidade próprias.
...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Introdução, Parte 1: Bruno Guedes

Escrito por Bruno Guedes em 11/03/2008 22:08


(Este post está sendo dividido em três partes. Esta é a primeira)

Dos três aspectos fundamentais a respeito do site que vos fala – quem é "Bruno Guedes"; o que diabos essas "Toupeiras" fazem aqui; e o que raios esse blog tem de especial – comecemos pela ordem de enumeração. Em outras palavras, quem, afinal, é Bruno Guedes, e por que você deveria se importar.

Começando pela pergunta mais simples você não tem que se importar coisa nenhuma. Isso é por sua própria conta e risco.

Bruno Guedes é, até a presente data, universitário, cursando Ciência da Computação na UFMG, ingresso no período 2006/01. Curiosamente, ele é pelo menos um ano mais novo que qualquer universitário que entrou junto com ele. É uma história meio longa e que nada(ou quase nada) tem a ver com quem ele é. A respeito do que importa saber, ou seja, de tudo aquilo que conecta Bruno Guedes a este site e seu conteúdo, temos um rol de informações que foi resumido para vosso conforto e prazer. Sinta'se agradecido, se possível.

...Post Completo
Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Quase lá... prometo!

Escrito por Bruno Guedes em 11/03/2008 11:47


Se você chegou a este site, leu meus posts, está de volta e não é apenas fruto da minha imaginação, você deve estar um pouco chateado com o tamanho dos posts. Verdade, todo blog que se preza tem uns posts de tamanho decente...

Mas não se desespere! Hoje mesmo, o verdadeiro post inaugural, explicando tudo o que deve ser explicado por ora. Promessa!

Hoje à tarde, quase tudo o que você precisa saber sobre o blog, o autor, e o layout horrível dessa bagaça.


Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

E o segundo passo...

Escrito por Bruno Guedes em 10/03/2008 17:43


...além, claro, da devita formatação do layout. Falaremos disso mais tarde.

Enfim, o segundo passo é divulgação. Conforme nos ensina nosso velho conhecido(ou não)Cardoso, a divulgação é por minha conta. Por ora. O início é duro, vou ter que arranjar um jeito. Aliás, ainda estou pensando em um jeito!

Mais tarde, mais comentários. Por agora, a vida chama!

Update: o trackback parece não estar funcionando direito. Homebrew tem dessas...


Comentários: 0
Avatar: Bruno Guedes

Post Inaugural

Escrito por Bruno Guedes em 10/03/2008 00:32


Posts inaugurais servem pra muitas coisas. Para apresentar o(s) autor(es), para apresentar o blog, para dizer do que se trata esse maldito site...

Nesse caso, é um teste.

Isso significa que, oficialmente, o blog está vivo.

Então, aproveitem, leitores em potencial, e continuem lendo. Por ora, fiquem com a interface totalmente home-made do querido PbBlog.

E até a vista, pessoas!


Comentários: 0

Powered by Parascalops brewerii Blog Engine 1.0, by Bruno Guedes, 2007
Melhor vizualizado em resolução 1024x768, em navegador Opera 9 ou superior
Mozilla, Mozilla Firefox, Safari, Seamonkey ou outros também são bons
Não recomendamos de forma alguma o uso de Internet Explorer de qualquer versão