Esta semana, conforme disse, foi a "Semana do Ócio Criativo", quando eu e toupeiras nos esforçamos ao mínimo para manter nossa promessa de "um post a cada dois dias, no mínimo". Até o momento nossas estatísticas estão a nosso favor, ou seja, sucesso!

Então, ao resumo da semana e, se eu estiver inspirado, da semana na Internet.


Relembrando, provas, trabalhos e exercícios valendo ponto extra preencheram esta semana. Foram nada menos do que três provas na quarta-feira, justo em dia de jogo no Mineirão – a propósito, qual jogo mesmo? –, que obviamente é um péssimo dia para voltar para casa depois das seis horas. Não obstante, tive muita sorte, porque as provas ou eram fáceis – por "fácil" entenda-se "não mortalmente impossível" –, ou eu precisava apenas de 0,7 pontos pra me ver livre da matéria, logo poderia direcionar meu esforço para outras matérias em estado mais crítico.

Em outra nota universitária, uma apresentação de trabalho: modelagem e solução do "Problema do Caixeiro Viajante Preguiçoso". Nunca ouviu falar? Pois é, é porque esse problema praticamente não existe. Etnretanto, conseguimos conquistar nosso público e desviar sua atenção de nosso modelo falho, nossa heurística estranhamente quase perfeita e o fato de que interpretamos metade do enunciado de forma incorreta com uma apresentação decidida. Em outras palavras, "quanto mais alto você fala, mais as pessoas tendem a achar que você sabe do que está falando".

E finalmente... finalmente, nada. Fim de semana com coisas pra estudar – terça-feira, seminário sobre Computação Quãntica –, e mais nada. Semana que vem é outra "semana de morte"...


Um fenômeno bastante inesperado ocorreu nesses dias. Por incrível que o pareça, fui citado verbatim três vezes em menos de dois dias. Como não anotei o que houve de melhor na semana, confiram:

Sim, eu disse três vezes. Me chame de "Miss Cangaíba", mas isso é muito mais do que eu já vi nesses 19 anos de vida em termos de notoriedade...


E, finalizando nosso "Resumo da Semana com Bruno Guedes", semana que vem Töpo ataca novamente, e TP ou vai continuar o curso de programação, ou vai começar um curso prático de Unix/Linux. Ele que escolhe.

E sim, Korso vai escrever alguma coisa. Não sei o que, mas vai. Na mesma linha, Token afirma que quer aparecer, mas não deu pistas do que planeja, então não sei o que esperar. E isso não é uma sensação boa.

No mais, boa sorte, boa tarde e muita paz. Só pra rimar.