Est modus in rebus, e, como tudo na vida, há escritores e escritores. Há escritores concisos e prolixos. Narradores e descritores. Dramáticos e cômicos. Simples e complicados. Cada qual com seu mérito, seu público e seu estilo, de tal forma que eu não me atreveria a classificar ninguém como melhor – ou pior – do que ninguém. Arte é arte, e cada qual vale pelo que tem, mas eu divago. Vamos ao que interessa.

Guimarães Rosa, sem dúvida, não é um escritor simples. Quem dera fosse, seria então jogado por terra o mito do "Guimarães complicado". Não falo de sua linguagem, ou de sua narrativa. Ambas são simples, é tudo uma questão de ouvir, ao invés de ler, o texto. Como testemunho de primeira mão, Maristela Guedes nos relata o método perfeito para ler Grande Sertão: Veredas em três dias: imagine que é tudo uma conversa. Uma conversa unilateral, mas enfim: o "ponto" é a oralidade. Quando se ouve, tudo parece tão simples, porque afinal é. Não é isso que é o complicado em Guimarães Rosa.

Também essa imagem, não está aqui por acaso... Os contos roseanos são metódicos. Os poemas, então, nem se fale. Mas fiquemos nos contos – e romance, também, afinal não se deve nem se pode esquecer de Grande Sertão. Mas nos atenhamos aos aspectos analíticos. A ficção roseana tem um subtexto praticamente onipresente na obra, de forma que há sentido específico em cada frase, com relação ao contexo inserido e à obra da qual az parte como um todo, cada palavra icônia não está ali por acaso. A análise literária da obra de Guimarães Rosa tem à sua disposição um prato cheio de significados, relações e intertexto. A obra de Rosa dialoga entre si mesma e também com temas universais. O sertão é do tamanho do mundo, e a criação de Guimarães é ainda maior.

Mas não se atenha a minhas palavras e minha análise. Leia. Aprecie. Absorva. Analise. Enfim, aproveite João Guimarães Rosa com seu próprio olhar. E não desista se por acaso algo "se perder" no meio da leitura. A experiência, certamente, vale a pena por si só.

E desculpem o atraso na postagem. A letargia de férias é difícil de se lutar contra...